Porto Velho (RO) sábado, 19 de junho de 2021
×
Gente de Opinião

Opinião

Você tem medo de CPI?


Você tem medo de CPI? - Gente de Opinião

Se a pergunta fosse feita a um cidadão comum, acostumado a viver com o suor do próprio rosto, cercado de dificuldades por todos os lados, a resposta, com certeza, seria não; porém, se ela fosse dirigida àquele tipo de político profissional, habituado a viver à tripa-forra do dinheiro público, a resposta, de tão óbvia, parece-me desnecessária. Os exemplos estão aí para quem quiser vê-los. Não é preciso ir muito longe.

Ensina o dito popular nada temer quem nada deve. Portanto, quando um político, suspeito de ilicitude, decide agarrar-se a chicanas legislativas ou até mesmo jurídicas para tentar impedir o curso natural de uma investigação, é sinal de que existe alguma coisa de estranha no ar. Atribui-se ao filósofo Platão a frase segundo a qual é compreensível perdoar uma criança que tem medo do escuro; inaceitável, contudo, é quando o homem tem medo da luz, isto é, da verdade.

Já escrevi aqui sobre os benefícios que algumas CPI’s trouxeram ao país. É bem verdade que muitas delas extrapolaram os limites técnicos de seu conceito, enquanto outras viraram sinônimo de pregação política e a defesa de interesses eleitoreiros e fisiológicos. Realce-se, porém, que, foi por meio de uma Comissão Parlamentar de Inquérito, que um corrupto foi afastado da presidência da República e gangs foram desbaratadas, como a dos anões do orçamento e das ambulâncias.

Nos dias que se vão, o que tem de políticos correndo de um lado para o outro, interpondo um recurso atrás do outro, aqui e acolá, para tentar impedir a apuração de denúncias graves que lhes pesam sobre os ombros, não é brincadeira. Se conseguirão êxito ou não em suas empreitadas, o tempo encarregar-se-á de provar. Aguardemos, pois, o desenrolar dos acontecimentos.

Mais Sobre Opinião

Sentença de morte

Sentença de morte

A princípio não acreditei, mas logo a ficha caiu. E aí, o susto. Meu Deus! Quantas pessoas ainda vão precisar morrer para que alguns de nossos dirig

A luta intercultural numa terra ainda patriarcal + Das andanças da justiça na Quinta Lusitana

A luta intercultural numa terra ainda patriarcal + Das andanças da justiça na Quinta Lusitana

A LUTA INTERCULTURAL NUMA TERRA AINDA PATRIARCALIsraelitas e Ismaelitas lutam por Canaã a terra prometida a AbraãoPor António JustoA guerra faz-se em

Va', pensiero, sull'ali dorate

Va', pensiero, sull'ali dorate

Semana passada, numa espécie de patuscada entre o presidente da Argentina e o premier da Espanha, Pedro Sánchez, foi dita uma frase, deturpada do es

Olhando de Israel para a Amazônia

Olhando de Israel para a Amazônia

Em meados de abril deste ano, tomei a decisão de passar um período em Israel, movido principalmente pelo desejo pessoal de resgate de minha origem j