Porto Velho (RO) quinta-feira, 26 de novembro de 2020
×
Gente de Opinião

Opinião

Taxas de crédito influenciam financiamento imobiliário


Ao pesquisar o custo do financiamento para compra do imóvel entre diversas instituições financeiras, o consumidor pode economizar até R$ 47 mil. É o que concluiu o levantamento realizado pela Associação Brasileira de Defesa do Consumidor – Proteste. O estudo apontou quais bancos oferecem as maiores e menores taxas no crédito imobiliário. Foram simuladas três situações para um perfil de comprador de 35 anos e um prazo de financiamento de 30 anos.

Para saber qual é a instituição financeira mais atrativa, o consumidor pode fazer a pesquisa comparecendo aos bancos ou por meio da internet, como orienta o diretor executivo do escritório de representação da Associação Brasileira dos Mutuários da Habitação (ABMH) em Rondônia, José Carlos Lino Costa. “Os bancos possuem simuladores de financiamento que ajudam os clientes a fazer o cálculo. Além disso, existem sites especializados em fazer comparações de taxas de financiamento, como o www.canaldocredito.com.br”, como indica.

A pesquisa possibilita economia de dinheiro, já que os financiamentos habitacionais têm suas regras estabelecidas em lei e regulamentações do Banco Central, conforme José Carlos Costa. “Logo, os benefícios dessa pesquisa são de ordem econômica”, conclui.

No entanto, o diretor executivo do escritório de representação da ABMH em Rondônia adverte que, mesmo assim, o consumidor deve ter cuidado ao analisar o Custo Efetivo Total (CET) do financiamento. “Um financiamento habitacional é acompanhado de seguro obrigatório e taxas de administração. Deste modo, o consumidor deve levar em consideração esses outros custos na hora de escolher o banco. Às vezes a taxa de juros de um banco é baixa, mas a de administração e o seguro cobrados são muito altos, o faz com que o financiamento fique mais caro, mesmo tendo uma taxa de juros menor.”

Além das taxas, o consumidor deve tomar alguns cuidados ao escolher a instituição no qual vai obter crédito imobiliário. “Muitos bancos tentam praticar a venda casada na hora da concessão do financiamento, o que é ilegal. Títulos de capitalização, seguros de vida, contas com taxa de manutenção caras, cartões de crédito são alguns dos produtos que os gerentes tentam ‘empurrar’ no consumidor”, diz José Carlos Costa.

De acordo com ele, alguns gerentes condicionam a contratação desses produtos à liberação do financiamento, o que é ilegal. “Caso isso aconteça, o consumidor deve se dirigir aos órgãos de proteção e registrar queixa contra esse tipo de atitude.”

De qualquer forma, o diretor executivo do escritório de representação da ABMH em Rondônia ressalta que o importante sempre é verificar o CET - Custo Efetivo Total, prazo do financiamento e sistema amortização. “O consumidor sempre deve fugir de taxas de administração altas​ e da tabela Price​, pois nela se paga mais juros do que no sistema de amortização constante (SAC​). A tabela Price embute em sua fórmula a capitalização de juros e por isso gera essa distorção", explica José Carlos Costa.​

Sobre a ABMH – Idealizada 1999 e mantida por mutuários, a Associação Brasileira dos Mutuários da Habitação (ABMH) é uma entidade civil sem fins lucrativos que tem como objetivo difundir as formas de defesa de quem compra imóveis, em juízo ou fora dele, com o efetivo cumprimento dos dispositivos legais. Atualmente, a Associação possui representações em 11 estados, além do Distrito Federal e presta consultoria jurídica gratuita.


Dr. José Carlos Lino Costa

Diretor executivo do escritório de representação da Associação Brasileira dos Mutuários da Habitação (ABMH) em Rondônia
 

Mais Sobre Opinião

Hildon Chaves deverá vencer as eleições muito facilmente, se a Cristiane não se reposicionar junto aos eleitores

Hildon Chaves deverá vencer as eleições muito facilmente, se a Cristiane não se reposicionar junto aos eleitores

Até o momento, ao que tudo indica, parece que a definição sobre quem será o próximo prefeito ou prefeita de Porto Velho é “favas contadas”. O atual

Respeito a decisão do Vinícius, mas não concordo

Respeito a decisão do Vinícius, mas não concordo

Recebi de um amigo um vídeo em que o candidato à prefeitura de Porto Velho, Vinicius Miguel - em quem votei no primeiro turno da eleição de domingo (1

Os náufragos de 2020

Os náufragos de 2020

Não foi apenas o presidente Jair Bolsonaro que saiu perdendo nas eleições municipais de 2020. A esquerda foi massacrada nas urnas. Exemplo disso é o

O recado das urnas

O recado das urnas

A renovação substancial da Câmara Municipal de Porto Velho, além da decepção causada a muitos dos que atualmente exercem mandato de vereador, há de