Segunda-feira, 24 de junho de 2024 | Porto Velho (RO)

×
Gente de Opinião

Rondônia

Governador Marcos Rocha anuncia comissão de regularização fundiária e fala em reparação às famílias que aguardam títulos definitivos


Governador Marcos Rocha anuncia comissão de regularização fundiária e fala em reparação às famílias que aguardam títulos definitivos  - Gente de Opinião

Durante coletiva de imprensa realizada nesta terça-feira (21), em Ji-Paraná, o governador de Rondônia, Marcos Rocha, que participa da 11ª da Rondônia Rural Show Internacional, confirmou a criação de uma comissão entre agentes do governo do estado e representantes de entidades voltadas ao agronegócio. O objetivo do grupo é somar esforços a fim de acelerar o processo de regularização fundiária em Rondônia. O governador atendeu a um pedido de mais de 60 entidades ligadas ao setor, para trazer representantes setoriais ao grupo de trabalho do estado, com o intuito de auxiliar nas ações que já são desenvolvidas pelo Executivo.

A primeira missão do grupo, de acordo com o governador, é conseguir emplacar uma Minuta de Adesão ao Projeto de Lei Nº 1.199/2023, de autoria da senadora Professora Dorinha Seabra, (União Brasil - TO), por meio da qual, o estado de Rondônia também reivindica a transferência de terras da União para o controle do estado, que passará a executar o processo de regularização fundiária de algumas glebas. “Alguns produtores estão nessas áreas há décadas e ainda não conseguiram regularizar suas situações. Neste momento eles são considerados invasores, quando na verdade são grandes colaboradores do desenvolvimento do estado. São famílias que trabalham muito e merecem ter suas terras regularizadas”, salientou.

Além de resolver problemas pontuais, uma das missões do governo, considerada a possibilidade de transferência, é desestimular a invasão de terras. “O estado de Rondônia tem condições de fiscalizar essas áreas com mais eficiência, e garantir a preservação ambiental enquanto corrige falhas históricas com diversas famílias que há anos aguardam a regularização de seus lotes”, ressaltou Marcos Rocha.

Gente de OpiniãoSegunda-feira, 24 de junho de 2024 | Porto Velho (RO)

VOCÊ PODE GOSTAR

Após atuação do MPF, Portal do Governo de Rondônia garante inclusão de deficiências na nova Carteira de Identidade Nacional

Após atuação do MPF, Portal do Governo de Rondônia garante inclusão de deficiências na nova Carteira de Identidade Nacional

Após atuação do Ministério Público Federal (MPF), o Portal do Governo do Estado de Rondônia foi atualizado para incluir informações e orientações cl

Estratégias são tomadas pela Caerd para garantir abastecimento de água à população de Rondônia durante verão amazônico

Estratégias são tomadas pela Caerd para garantir abastecimento de água à população de Rondônia durante verão amazônico

Com a finalidade de mitigar os efeitos com a redução no volume de água disponível nos rios e mananciais de Rondônia, agravada pelas mudanças climáti

Thiago Alencar afirma que a PGE age em nome do Estado para o bem de toda a sociedade

Thiago Alencar afirma que a PGE age em nome do Estado para o bem de toda a sociedade

Thiago Alencar, novo procurador geral do Estado de Rondônia, fala, em entrevista ao jornalista Edson Lustosa, de seu entusiasmo com o avanço do cons

61,2% dos trabalhadores rondonienses estavam no comércio, na agropecuária e em atividades típicas da administração pública

61,2% dos trabalhadores rondonienses estavam no comércio, na agropecuária e em atividades típicas da administração pública

O módulo Características do Mercado de Trabalho da PNAD Contínua, pesquisa realizada pelo IBGE, aponta que em 2023, das 824 mil pessoas ocupadas em

Gente de Opinião Segunda-feira, 24 de junho de 2024 | Porto Velho (RO)