Porto Velho (RO) domingo, 29 de novembro de 2020
×
Gente de Opinião

Opinião

Onde se fala de amigos e amizade



Por Humberto Pinho da Silva

Há rifão, bem antigo, que diz: “Cada um dança segundo os amigos que tem na sala “ : Rodrigo Lobo, regista-o na “ Corte na Aldeia”.

E rifões, no parecer de D. Francisco Manuel de Melo, são “ verdades que a experiência, suma mestre das artes, pronunciou pelas bocas do povo”.

Quem tem amigos sempre ou quase, alcança o que quer. Lembra e bem, Pª Manuel Bernardes, na “ Nova Floresta” , que: discreto arrolava entre os numerosos bens, os amigos.

Buscam alguns, para amigos, os poderosos e influentes, desprezando os humildes, olvidando o célebre apólogo das duas panelas de Esopo, utilizado magistralmente pelo Pª Manuel Bernardes.

Nas agruras da vida, e sempre as há, o forte triunfa, e a panela de barro é que quebra.

Devem, portanto, ser os amigos semelhantes em tudo. Não necessariamente iguais, em fazenda e poder, mas que não haja grande diferença.

Os poderosos costumam ter muitos amigos. Job também os tinha, mas pobre e doente, escapuliram-se.

Estando em amena cavaqueira com conhecido político, confessou-me que ao retirar-se, muitos que o visitavam, amiudadamente, espaçaram encontros. “Porquê?” - perguntou-me, entre risos , - “já não lhes podia fazer jeitinhos…”- respondeu.

Aconteceu o mesmo a Camilo. Empobrecido, enfermo, quase cego, viu-se abandonado por muitos que o acompanharam nas horas de alegria.

Certa ocasião abracei, efusivamente, gestor que caíra em desgraça, por motivos políticos, em local muito frequentado. Atónito, voltando-se para mim, declarou: - “ Não tem receio de o fazer? Amigos e correligionários viraram-me a cara “ .

Marcelo Caetano sentiu o mesmo no exílio, e o que lhe doía mais era a ingratidão daqueles a quem fizera bem.

Termino com a opinião de minha querida amiga D. Cândida Pacheco - velhinha muito bonita e simpática, - que por sua vez escutara-a da boca do avô: “Menina: se um dia caíres na rua, não penses que são os ricos que te vão levantar, mas os que usam tamancos e chinelas.”.

Mais Sobre Opinião

Sua Excelência a abstenção

Sua Excelência a abstenção

Independente de quem saía consagrado das urnas no segundo turno do pleito para a prefeitura de Porto Velho (Hildon Chaves ou Cristiane Lopes), certo

A cidade foi a grande ausente no debate

A cidade foi a grande ausente no debate

Se o Ibope estiver certo em sua aferição, o prefeito Hildon Chaves (PSDB) vai permanecer por mais quatro anos no comando do município de Porto Velho

Hildon Chaves deverá vencer as eleições muito facilmente, se a Cristiane não se reposicionar junto aos eleitores

Hildon Chaves deverá vencer as eleições muito facilmente, se a Cristiane não se reposicionar junto aos eleitores

Até o momento, ao que tudo indica, parece que a definição sobre quem será o próximo prefeito ou prefeita de Porto Velho é “favas contadas”. O atual

Respeito a decisão do Vinícius, mas não concordo

Respeito a decisão do Vinícius, mas não concordo

Recebi de um amigo um vídeo em que o candidato à prefeitura de Porto Velho, Vinicius Miguel - em quem votei no primeiro turno da eleição de domingo (1