Porto Velho (RO) sexta-feira, 4 de dezembro de 2020
×
Gente de Opinião

Opinião

Memórias do coração


 
 
*Erika de Souza Bueno

De um abraço apertado e um olhar de seriedade a um coração que já sabe o que é amar. Do lado esquerdo do peito, as aprendizagens que somente conseguimos vivenciar ao seu lado. Da volta do trabalho, momento tão esperado, a esperança de mais uma vez conseguirmos olhar para você e vivermos juntos aquelas experiências que jamais vão se apagar de nossas memórias, memórias de nossos corações. Não é fácil definir com palavras a nossa gratidão por você, papai. O que podemos fazer é seguir os caminhos que o senhor nos ensinou, ainda que, há algum tempo, estes mesmos caminhos não parecessem tão lógicos assim.

Hoje, contudo, as suas razões são mais claras para nós, pois, diferentemente do que imaginávamos quando não queríamos entender as suas decisões, os anos passam para todos e lavam as imperfeições do abraço que não foi dado e daquele sorriso que nos negamos a dar diante de algumas contrariedades.

“Éramos felizes e não sabíamos”, pois a nossa tão pouca idade nos impedia de agradecê-lo pela repreensão, esta que hoje é como luz para os muitos caminhos que seguimos, que serve como um guia seguro para as nossas mais sérias decisões. Papai, hoje reconhecemos não apenas em nossas mentes, mas também no mais profundo de nossos corações, a sua importância em nossas vidas. Esse reconhecimento é tão grande a ponto de querermos ser como o senhor, um homem que sabe ensinar e amar mesmo quando está bravo com a gente. E, acredite, queremos alcançar de Deus a bênção de termos também o reconhecimento de nossos filhos, estes que vamos tentar guiar pelos mesmos caminhos que o senhor um dia nos ensinou.

Pode parecer irônico, mas irônica é a vida daquele que ensina e aprende. No processo de aprender, somos sacudidos em nossa zona de conforto, pois, quando nos damos conta de que temos que rever alguns conceitos, sentimos um pouco de insegurança. Ufa, ainda bem que o senhor nos ensinou a superá-la.

Sabemos que as incertezas surgem em todo o momento, mas aprendemos com o senhor que a pessoa que tem a quem amar pode conseguir vencer as mais fortes barreiras, até mesmo aquelas que parecem tirar o nosso chão. A perfeição de seus caminhos não está nos acertos de cada ação, pois sabemos que até mesmo os nossos super-heróis estão sujeitos a falhas. A perfeição, tão desejada e buscada por tantas pessoas, está no seu amor, no seu gesto de carinho, no silêncio que ensina e fala mais que quaisquer palavras.

Papai, desejamos que ao ler estas reflexões o senhor se sinta de algum modo recompensado por tudo o que Deus nos permitiu viver juntos. Sabemos que não existe vocabulário suficiente para traduzir o que sentimos pelo senhor, mas estas são as palavras que estão guardadas a sete chaves nas memórias de nossos corações. Feliz Dia dos Pais!
 

*Erika de Souza Bueno é Coordenadora-pedagógica da Planeta Educação; Professora de Língua Portuguesa e Espanhol pela Universidade Metodista de São Paulo. Articulista sobre assuntos de língua portuguesa e família. Editora do Portal Planeta Educação (www.planetaeducacao.com.br).

Mais Sobre Opinião

O tribunal europeu (TEDH) dá andamento à queixa "Acção Climática" das crianças portuguesas + Restauração de Portugal independente

O tribunal europeu (TEDH) dá andamento à queixa "Acção Climática" das crianças portuguesas + Restauração de Portugal independente

O TRIBUNAL EUROPEU (TEDH) DÁ ANDAMENTO À  QUEIXA “ACÇÃO CLIMÁTICA” DAS CRIANÇAS PORTUGUESASNo rescaldo de Pedrogão Grande onde o Fogo matou 110 Pessoa

Começou a batalha pela presidência da Câmara em Porto Velho

Começou a batalha pela presidência da Câmara em Porto Velho

Acirra-se a briga pela presidência da Câmara Municipal de Porto Velho. O atual presidente Edwilson Negreiros está articulando um grupo forte para gara

Sua Excelência a abstenção

Sua Excelência a abstenção

Independente de quem saía consagrado das urnas no segundo turno do pleito para a prefeitura de Porto Velho (Hildon Chaves ou Cristiane Lopes), certo

A cidade foi a grande ausente no debate

A cidade foi a grande ausente no debate

Se o Ibope estiver certo em sua aferição, o prefeito Hildon Chaves (PSDB) vai permanecer por mais quatro anos no comando do município de Porto Velho