Porto Velho (RO) quarta-feira, 11 de dezembro de 2019
×
Gente de Opinião

Energia

Fecomércio defende suspensão do aumento da tarifa de energia em Rondônia


Fecomércio defende suspensão do aumento da tarifa de energia em Rondônia - Gente de Opinião


Durante a Audiência Pública contra o valor da Tarifa de Energia Elétrica no Estado Rondônia que aconteceu na manhã desta sexta-feira (05) no plenário da Assembleia Legislativa,  o Presidente da Fecomércio/RO e Vice-Presidente da CNC, Raniery Araujo Coelho, destacou que o empresário já carrega um vasto peso de tributos de impostos e não pode assumir cada vez mais, o impacto proveniente do aumento da tarifa. “A Fecomércio está presente nesta audiência representando o empresário através dos seus 12 sindicatos filiados e toda população de Rondônia. Vivemos um momento muito difícil, com a diminuição da atividade econômica, bem como um elevado peso da carga tributária. Uma grande elevação de um fator importante como a energia impacta em todos os setores e o consumidor é quem arca com o ônus mais pesado, ou seja, a população, em especial os assalariados, terão que pagar mais caro, com estes aumentos”.

Raniery Coelho disse ainda que toda empresa tem sensibilidade em relação aos seus custos  e que um aumento pesado na energia impacta em toda a cadeia de produção, dai, que tem que ser visto de uma maneira diferente, atento ao impacto que vai causar. “Como é que Rondônia, um estado que tem sofrido com a diminuição de seus investimentos, onde as vendas tem sido menor que o esperado, pode concordar com aumentos não só de energia muito acima da inflação? Quando as pessoas não possuem forma de pagar qualquer novo imposto e se encontram, na sua maioria, endividadas?! O empresário sabe disto e tem feito o maior esforço para vender mais barato, mas, como conter os custos com a energia tendo um aumento destes?”.  A verdade é que se precisa pensar em melhorar a atividade econômica, portanto, o empresário precisa ser visto com bons olhos. Eu sempre digo que ‘o Brasil tem jeito, porque o Brasil tem Norte’ e somos nós que estamos fazendo a diferença no país, somos nós que estamos crescendo com a agricultura familiar e com o agronegócio, somos nós que alimentamos o mundo. Então temos que ter sim uma visão diferenciada disso tudo e não permitir um aumento tão forte do custo de energia”, pontuou.

O presidente da Fecomércio finalizou agradecendo a todas as entidades que participaram desde o começo do movimento contra o aumento da Tarifa de energia no Estado. “Quero agradecer a Facer, CDL, Sebrae, Fiero e Conselho Estadual de Defesa do Consumidor que estão juntos nesta luta. Fica aqui o nosso manifesto para que essa audiência possa obter o resultado desejado que é a suspensão desse aumento”.

A audiência foi convocada pela Deputada Federal Mariana Carvalho, autora do Projeto de Decreto Legislativo (PDC) 1107/18, que susta a resolução homologatória n.2.496 de 13 de dezembro de 2018 da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) e que homologa o resultado do reajuste tarifário anual de 2018 das Centrais Elétricas de Rondônia – Ceron. O evento contou com a participação de diversas autoridades entre elas, o relator do PDC na Câmara dos Deputados, Deputado Federal do Rio Grande do Norte, Rafael Motta, membro da Comissão de Minas e Energia, além do Superintendente de Gestão Tarifária da Aneel, Davi Antunes, o diretor presidente da Ceron/Energisa, André Theobald, os deputados Estaduais, Alex Silva e Eyder Brasil, membro da Comissão de Defesa do Consumidor da ALE/RO, o Deputado Federal, Léo Moares, o presidente da Câmara Municipal, Edwilson Negreiros, o vereador Maurício Carvalho, a Procuradora do Ministério Público Federal, Gisele Bleggi, o presidente da Fiero, Marcelo Thomé, o Conselheiro Estadual de Defesa do Consumidor, Gabriel Tomasette, o Coordenador do Procon/RO, Estevão Ferreira e demais autoridades .

Mais Sobre Energia

CPI vai usar marcadores de consumo do Inmetro para comparar com relógios da Energisa

CPI vai usar marcadores de consumo do Inmetro para comparar com relógios da Energisa

Durante a reunião da CPI da Energisa realizada na tarde desta quarta-feira (4), no Plenarinho 2, o presidente da Comissão, Alex Redano (Republicanos

Em Ariquemes, mais relatos de abusos e de cobranças indevidas são levados à CPI da Energisa

Em Ariquemes, mais relatos de abusos e de cobranças indevidas são levados à CPI da Energisa

A cidade de Ariquemes foi a sétima a receber a audiência da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), instalada na Assembleia Legislativa para apurar

CPI da Energisa em Rolim de Moura recebe documentos e relatos de consumidores contra a empresa

CPI da Energisa em Rolim de Moura recebe documentos e relatos de consumidores contra a empresa

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) instalada na Assembleia Legislativa para apurar possíveis irregularidades e práticas abusivas contra os co

CPI da Energisa ouve relatos que há pessoas passando fome em Guajará-Mirim devido a aumento em contas

CPI da Energisa ouve relatos que há pessoas passando fome em Guajará-Mirim devido a aumento em contas

Durante a audiência pública realizada pela CPI da Energisa na manhã desta sexta-feira (29), na Câmara de Vereadores de Guajará-Mirim, foi denunciado