Quarta-feira, 29 de maio de 2024 | Porto Velho (RO)

×
Gente de Opinião

Opinião

Empresários pagam muito caro por taxa de resíduos sólidos para uma cidade tão suja, diz presidente a ACR


Vanderlei Oriani - Gente de Opinião
Vanderlei Oriani

O presidente da Associação Comercial de Rondônia (ACR), Vanderlei Oriani, fez um desabafo na segunda-feira 15.04, ao comentar o absurdo de mais uma cobrança imposta pela Prefeitura à classe empresarial: a taxa de resíduos sólidos produzidos por grandes empresas de Porto Velho.

“É uma taxa absurdamente alta para os empresários que já são submetidos a cargas excessivas de impostos. O ano já começou com aumento do ICMS e agora a Prefeitura quer nos obrigar a arcar com as despesas de um serviço que é dela. A tributação e as obrigações acessórias estão matando nossas empresas”, ressaltou.

Atualmente, com o fechamento do lixão municipal da Vila Princesa, o aterro sanitário é terceirizado. As empresas grandes geradoras de resíduos sólidos são obrigadas a contratar não apenas as caçambas para recolhimento, mas também arcar com as despesas pelo depósito desses resíduos no aterro.

“Essa história do aterro sanitário é uma novela de quase 20 anos e nunca saiu do papel e fazia parte daquelas famosas obras do PAC. Quer dizer, não fizeram o que era para ser feito, e agora os empresários é quem vão ter que meter a mão no bolso para sanar um problema pelo qual não deu causa. É difícil engolir isso”, comentou.

Vanderlei Oriani participou na semana passada de uma reunião com a participação de empresários e representantes da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e da Secretaria Municipal de Serviços Básicos e pelo que viu e ouviu, a situação é crítica e resta poucas alternativas para os empresários.

“Não somos o cumprimento da legislação ambiental, que impõe essas obrigações. Somos contra a forma como estamos sendo de certa forma coagidos a cumprir obrigações que o poder público negligenciou. Já geramos emprego, renda e impostos para o município, e ainda temos que também pagar a mais por coleta de lixo?”, finalizou.

Gente de OpiniãoQuarta-feira, 29 de maio de 2024 | Porto Velho (RO)

VOCÊ PODE GOSTAR

Sangue novo, vampiros e cuequeiro

Sangue novo, vampiros e cuequeiro

As eleições para a Câmara de Vereadores de Porto Velho se têm caracterizado, de tempos a este, pela presença de políticos bastantes conhecidos da po

Prometer e não cumprir é o esporte preferido de muitos políticos

Prometer e não cumprir é o esporte preferido de muitos políticos

Por mais que nos esforcemos para acreditar no que dizem alguns políticos, não adianta, com o tempo, eles próprios se encarregam de nos lembrar que f

Entre a ilusão e a realidade, brilha a verdadeira vida

Entre a ilusão e a realidade, brilha a verdadeira vida

Era uma vez uma mulher chamada Maria que passava grande parte da sua vida entre o adormecer e o acordar. Nos seus sonhos, Maria encontrava mundos

Eita, que cara sortudo esse Zé Dirceu!

Eita, que cara sortudo esse Zé Dirceu!

A persistência é uma das qualidades que eu mais admiro no ser humano. Tem gente que não desiste de jeito nenhum de lutar por seus ideiais, ainda que

Gente de Opinião Quarta-feira, 29 de maio de 2024 | Porto Velho (RO)