Porto Velho (RO) segunda-feira, 26 de agosto de 2019
×
Gente de Opinião

Opinião

CARLINHOS MARACANÃ: PAINEL CULTURAL


O sonho do poeta.

O poeta e jornalista Adaides dos Santos (DADÁ), banhando-se nas águas de Recife me mandou um e-mail, parabenizando pelo Projeto Quintal do Samba e colocando a disposição alguns exemplares de seu livro Sobras da Noite, estou aguardando seu filho Tiago me passar os livros para que possamos passar adiante com um preço muito especial, segundo desejo do poeta de se manter, vivo e ativo na cidade.

Obrigado Dadá, pelos elogios ao trabalho e aguardamos você de novo em sua cidade e no projeto, segunda tem mais.

A Instituição Amazônia Adventure, em parceria com a Prefeitura, o SPU e o IPHAN, estão organizando o CITY TOUR CULTURAL, o programa consta de dois roteiros de passeios pelo centro histórico de Porto Velho e visitas aos monumentos históricos de nossa cidade, a iniciativa é válida e traz informações aos nossos visitantes e estudantes. A proposta será levada em setembro com programação todos os domingos das 16h às 18h.

As informações podem ser obtidas pelos telefones. 8405-5841 / 8404-6058.

Nesta quinta a rapaziada da Santa Bárbara se reúne, mais uma vez na rua Bolívia para o encontro dos sambistas e simpatizantes, a moçada começa a se reunir á partir das 19 horas, lá no bar do Antônio Chulé, muita a alegria e samba no pé.

Hoje, quarta-feira tem Marquinhos do Cavaco lá no Ferroviário á partir das 20 horas, com cerveja a R$ 0,50 (cinqüenta centavos), é isso mesmo, estaremos lá para prestigiar o grande músico e compositor, será no Ferroviário da sete de setembro, nesse preço!!!.

Sexta tem chorinho no bar do Alípio (Vilas Bar) com Genésio, Junior, Cabo Sena, Nico sete cordas e Bubu, com convidados a partir das 20 horas, o bar fica na Avenida Carlos Gomes, entre Tenreiro Aranha e Marechal Deodoro, centro, na semana passada foi o bicho, com uma grande homenagem ao grande seresteiro Rubens Parada.

É isso por enquanto.

Carlinhos maracanã
Agitador cultural.
Maracapvh@uol.com.br
9971-5084

Mais Sobre Opinião

A fogueira das vaidades

A fogueira das vaidades

O que até agora era bravata, “não é insulto, é o jeito dele”

O bom do silêncio

O bom do silêncio

Bolsonaro disse que não adianta exigir dele a postura de estadista, por que não é estadista.

Meu cargo, minha vida

Meu cargo, minha vida

Bolsonaro se revelou um profundo conhecedor da natureza humana

Cada quadrado no seu quadrado

Cada quadrado no seu quadrado

Os argentinos são como são. E não querem nem aceitam conselhos.