Porto Velho (RO) sexta-feira, 23 de agosto de 2019
×
Gente de Opinião

Opinião

CAR SERÁ PRORROGADO ATÉ 2017 E PEQUENAS DÍVIDAS SERÃO PERDOADAS


 
Depois do sufoco e da correria para atender as exigências legais quanto ao preenchimento do Cadastro Ambiental Rural (CAR), milhares de pequenos produtores rurais de Rondônia e do Brasil terão até 31 dezembro de 2017 para cadastrar suas propriedades, sem o risco de serem prejudicados em seus negócios ou multados, segundo garantiu ontem (19) o deputado Adelino Follador (DEM), que anunciou a decisão proposta por meio de Projeto de Lei de Conversão (PLC).

Na verdade, o projeto está tramitando, e para se tornar lei tem de ser aprovado pelas duas casas do Congresso Nacional – Câmara e Senado Federal -, e receber a sanção do presidente Dilma Rousseff. Por isso, a orientação do deputado é de que os produtores rurais promovam o cadastramento o quanto antes possível, vez que por enquanto o que está valendo é o prazo final de 05 de maio próximo.

Follador, que se envolveu pessoalmente na luta pela prorrogação do prazo para o preenchimento do CAR, tendo inclusive enviado ofício ao senador Acir Gurgacz, pedindo sua interveniência no processo, disse que, apesar disso, não há motivo para os produtores rurais se preocuparem, pois a prorrogação é tida como certa e vai atender a uma reivindicação do País inteiro e não só de Rondônia.

De acordo com o projeto (PLC), entre outras medidas, além de prevê a prorrogação do prazo de inscrição no Cadastramento Ambiental Rural para até 21.12.17, estão previstos ainda a suspensão, no mesmo prazo, do envio das operações de crédito em atraso para inscrição na dívida ativa e para cobrança judicial, medida que alivia sobremaneira a situação de milhares de produtores rurais pelo Brasil.

Estabelece também a autorização para remissão de dívidas contratadas até 31.12.2006, com valor original de até R$ 15 mil e saldo devedor de até R$ 10 mil em 31.12.15. E ainda autoriza novos descontos para renegociação de dívidas, e a dispensa de certidão do Cadin dos produtores rurais para efetivação de novas contratações de financiamentos, nos termos da Lei nº 12.999/14, entre outras medidas importantes.

Fonte: Ascom
 

Mais Sobre Opinião

O bom do silêncio

O bom do silêncio

Bolsonaro disse que não adianta exigir dele a postura de estadista, por que não é estadista.

Meu cargo, minha vida

Meu cargo, minha vida

Bolsonaro se revelou um profundo conhecedor da natureza humana

Cada quadrado no seu quadrado

Cada quadrado no seu quadrado

Os argentinos são como são. E não querem nem aceitam conselhos.

Feliz dia de quem matou os pais!

Feliz dia de quem matou os pais!

Dia em que Suzane von Richthofen e Alexandre Nardoni estão de férias da prisão.