Sexta-feira, 12 de abril de 2024 | Porto Velho (RO)

×
Gente de Opinião

Artigo

Renda extra: é possível ganhar dinheiro enquanto se diverte

Empresa brasileira de pesquisa de mercado paga até R$250 por avaliação, e pode ser alternativa para quando a grana estiver curta


Foto: Internet - Gente de Opinião
Foto: Internet

buscam meios de ganhar dinheiro para arcar com as despesas mensais. Mas imagine só: você entra em uma loja, escolhe o produto que tanto deseja, avalia o atendimento e no final, ainda recebe por essa experiência? Parece uma situação impossível, mas ela existe.  

É aí que entra o cliente oculto – um consumidor comum, contratado por uma empresa para avaliar o atendimento e a qualidade de seus produtos e serviços. Ele é responsável por observar pontos específicos, como a postura de um vendedor e o seu conhecimento sobre o que será oferecido. Bruno Vasconcelos, CEO e fundador da Seu Cliente Oculto, primeira startup do segmento no país, dá dicas de como ser um avaliador anônimo, e como ganhar dinheiro com isso.  

1.    Quem pode ser um cliente oculto?

Qualquer um pode se tornar um cliente oculto: homens, mulheres, jovens (a partir de 18 anos) e idosos. O único requisito é ter um celular com câmera, caso haja a necessidade de fotografar, filmar ou gravar algo. Mas no geral, a característica necessária de um avaliador é a neutralidade. Ele precisa julgar o atendimento, o produto e o espaço de acordo com a experiência que teve, através de um olhar mais externo.

2.    Quanto posso faturar por avaliação?

Existem duas formas de bonificação: reembolso ou pagamento por serviço. No primeiro caso, o cliente oculto tem um valor para gastar no estabelecimento, que é reembolsado após a avaliação. Já o pagamento é como uma renda extra que ele ganhará depois de apresentar suas conclusões. Esses valores podem variar entre R$35 até R$250.

3.    Que tipos de serviços eu vou avaliar?

Você pode escolher quais produtos e serviços quer avaliar. As avaliações vão desde consultórios médicos até restaurantes, dependendo da disponibilidade de vagas na sua região. A plataforma oferece uma gama abrangente para expressar suas opiniões e contribuir para a comunidade. Além disso, ao participar ativamente das avaliações, você pode ajudar outras pessoas a fazerem escolhas e aprimorar constantemente a qualidade dos serviços oferecidos.  

4.    Como faço para me inscrever?

O processo de cadastramento é simples e rápido, dependendo de cada plataforma. No caso da Seu Cliente Oculto, basta inserir algumas informações básicas para encontrar as vagas que melhor se encaixam em seu perfil. É importante destacar ainda a facilidade de agenda, pois as visitas podem ocorrer no dia e horário que o cliente oculto preferir. Atualmente, a Seu Cliente Oculto conta com cerca de 1300 vagas abertas, em todos os estados brasileiros. 

O mercado de avaliação anônima movimenta cerca de R$18 milhões por ano, e você pode aproveitar esse ramo para ganhar dinheiro enquanto se diverte. Então, por que não transformar suas opiniões em uma fonte de renda e ao mesmo tempo descobrir novos lugares e experiências na sua região?

Gente de OpiniãoSexta-feira, 12 de abril de 2024 | Porto Velho (RO)

VOCÊ PODE GOSTAR

“A Compesa é imprivatizável”

“A Compesa é imprivatizável”

O título em epígrafe foi dito pelo atual presidente da Companhia Pernambucana de Saneamento (COMPESA), Alex Machado Campos, em entrevista concedida a

Vulnerabilidades masculinas: o tema proibido

Vulnerabilidades masculinas: o tema proibido

Desafiador para eu escrever sobre este tema, já que sou um gênero feminino ainda que com certa energia masculina dentro de mim, aliás como todos os

Tudo se constrói antes na mente

Tudo se constrói antes na mente

Uma linha de pensamento defendida pelos mais diversos autores e profissionais na área da psicologia reconhece que tudo o que se constrói na mente in

Análise da Linguagem Corporal aplicada no combate do assédio no ambiente de trabalho

Análise da Linguagem Corporal aplicada no combate do assédio no ambiente de trabalho

Quem imaginaria que aqueles toques involuntários realizados por alguns colegas (homens ou mulheres) no ambiente de trabalho poderia ser os preparati

Gente de Opinião Sexta-feira, 12 de abril de 2024 | Porto Velho (RO)