Domingo, 19 de maio de 2024 | Porto Velho (RO)

×
Gente de Opinião

Opinião

Artigo: Vitória de Rondônia


 
A aprovação,  este semana,  na Comissão de Viação e Transporte da Câmara Federal do Projeto de Lei n° 3.129/08, que muda o traçado das BRs 080 e 414 traz uma expectativa palpável de desenvolvimento econômico  real e o conseqüente progresso social a uma larga faixa do território de Rondônia. Aliás, vale lembrar que num passado ainda recente, foi a estrada a grande porta de entrada para os pioneiros vindos de todas as regiões do País. Em  particular  do Centro-Oeste, Sudeste e Sul , cujas levas de migrantes venceram  distâncias e  desbravaram a terra nova,  decididos a fazer da Amazônia e em especial de Rondônia, seu novo chão. Foram eles que, muitas vezes arriscando suas últimas economias, trouxeram para este rincão da Amazônia conhecimento, tecnologia e a vontade indomável de vencer a qualquer custo. Tudo isto, tendo a estrada como norte e garantia de chegada.

Agora novamente uma estrada promete marcar mais uma era de desenvolvimento e progresso. Ao texto original do Projeto de Lei, que marcava o ponto final da BR-080 em Ariquemes (bem no entroncamento com a 364) propus o prolongamento do trajeto até Guajará-Mirim, na exata fronteira com a cidade irmã Guayara-Merín, já em território boliviano. Um velho sonho dos rondonienses, que sempre desejaram fazer do Estado um corredor rodoviário de intercâmbio comercial, social e político com a vizinha Bolívia. O corredor, que atravessa o Estado de Leste a Oeste, é a garantia do tráfego livre e promissor dos produtos brasileiros em direção ao altiplano andino. A meta, com toda a certeza, é o litoral pacífico e a conquista dos mercados andinos e, finalmente, os consumidores asiáticos, do outro lado do Oceano.

É bom que se diga que nossa proposta foi aprovada por unanimidade, com visível apoio e solidariedade de meus colegas integrantes da Comissão de Viação e Transporte. Vale dizer que todos são conhecedores da realidade de nossas estradas e da necessidade de ligar os mais longínquos quadrantes brasileiros ao sistema viário nacional. E é exatamente isto que o prolongamento da BR 080 até Guajará-mirim vai proporcionar, numa perfeita síntese de exigência social, viabilidade econômica e necessidade estratégica até por questões de consolidar nossa integração com a Bolívia e o resto da América Andina. O prolongamento do traçado até Guajará-Mirim não é apenas uma conveniência geográfica ou uma decisão de política viária, mas uma necessidade imperiosa de dar uma resposta satisfatória a milhares de rondonienses que sempre viram a saída para a Bolívia como ponto chave para a consolidação de nosso desenvolvimento.

Cabe agora à Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania, ainda da Câmara Federal, analisar os aspectos jurídicos formais do projeto  e dar seu parecer. Como o projeto teve uma elaboração primorosa dentro dos preceitos e exigências próprias do trâmite legislativo, é mais que provável  que a matéria chegue ao Plenário ainda este ano para discussão e votação. Considerando o nível de aceitabilidade e aprovação que o projeto vem experimentando em todas as instâncias de análise, é de todo válido afirmar que Rondônia terá a certeza do prolongamento da BR 080 até Guajará-Mirim neste segundo semestre, através da promulgação do presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Um esforço que valeu a pena e vai fazer toda a diferença para uma população que finalmente vai ver seu sonho realizado. Parabéns a todos os rondonienses por mais esta conquista alcançada.

Marinha Raupp é Deputada Federal pelo PMDB  

Gente de OpiniãoDomingo, 19 de maio de 2024 | Porto Velho (RO)

VOCÊ PODE GOSTAR

“O eleitor brasileiro vota para passar quatro anos arrependido”

“O eleitor brasileiro vota para passar quatro anos arrependido”

A frase que dá título a este artigo é do brilhante advogado Clênio Amorim Corrêa ao comentar recente colaboração de minha autoria. Não sem motivo es

Câmara de Porto Velho terá a maior renovação de sua história

Câmara de Porto Velho terá a maior renovação de sua história

Se os números das recentes pesquisas eleitorais estiverem certos, tudo indica que a Câmara de Vereadores de Porto Velho terá a maior renovação de su

Ainda sobre o vídeo dos purificadores de água

Ainda sobre o vídeo dos purificadores de água

Em minha recente colaboração, comentei sobre um vídeo em que Felipe Neto aparece pedindo pix de R$ 4,8 milhão para comprar purificador de água da ma

A OMS quer o domínio da saúde e o uso da censura para  proteger mundialmente oligarcas e elites globais

A OMS quer o domínio da saúde e o uso da censura para proteger mundialmente oligarcas e elites globais

Projeto de Tratado em detrimento dos Direitos humanos e das Liberdades fundamentais Na próxima Assembleia Mundial da Saúde, em 27 de maio, será votado

Gente de Opinião Domingo, 19 de maio de 2024 | Porto Velho (RO)