Porto Velho (RO) quarta-feira, 18 de setembro de 2019
×
Gente de Opinião

Opinião

Artigo: Os crédulos e os politizados



Em política, há os desencantados, os céticos, os crédulos e os politizados. Do desencanto e do ceticismo, é usual vir à omissão. Já os crédulos e os politizados participam, mas em grau, qualidade e intensidades diferentes.

No atual processo eleitoral, o que mais se vê é desencanto e cetismo, por um lado, e muita ingênua credulidade, por outro. Os politizados, que defendem princípios e não apenas nomes e as fantasias do marketing eleitoral, infelizmente, ainda são minoria e não serão eles, exatamente por isso, que decidirão por si mesmos as eleições de outubro.

O mais importante nisso tudo nem são os resultados, pois povo algum evitou a eleição de maus elementos. Todas as nações tiveram que purgar com luta e sacrifício o resultado das más escolhas. O mais importante é que, seja desencantado, cético, crédulo ou politizado, o cidadão tenha à disposição o maior volume de informação possível para que a escolha seja a que menores problemas trará a si e a seus compatriotas.

É a informação que fará o desencantado encontrar enfim alguma ideia que o encante. É a informação que fará o cético encontrar um fio, ainda que tênue, para encontrar uma razão convincente. Com ela, os crédulos se tornarão menos ingênuos e mais críticos. E só ela pode fazer com que um estrato maior da população adquira a “pós-graduação” na vivência comunitária, que é a politização.    

Os informados sobre detalhes importantes dos processos eleitorais, como origem das candidaturas, seus reais compromissose a que interesses servem, ainda que possam manter um certo grau de desencanto ou ceticismo, pois a informação precisa e crítica derruba implacavelmente os falsos ídolos e dissolve seus pés de barro, inevitavelmente ficarão menos crédulos nos artifícios solertes da propaganda e se inclinarão progressivamente à politização.  

Em outubro, os eleitores brasileiros, desencantados, céticos, crédulos ou politizados, vão às urnas decidir o futuro de sua Pátria e, com ela, de si mesmos e suas famílias, amigos e vizinhos. Que se informem e decidam bem!

Siga o Gentedeopinião no Gente de Opinião



Fonte: Carlos Sperança - csperanca@enter-net.com.br
Gentedeopinião   /  AMAZÔNIAS   /  RondôniaINCA   /   OpiniaoTV
 Energia & Meio Ambiente   /   YouTube  / Turismo   /  Imagens da História

Mais Sobre Opinião

Furacão Dorian impõe o flagelo da fome às Bahamas; 11 anos atrás, Samuel Saraiva indicava moderna tecnologia para estocagem de alimentos

Furacão Dorian impõe o flagelo da fome às Bahamas; 11 anos atrás, Samuel Saraiva indicava moderna tecnologia para estocagem de alimentos

Há exatamente 11 anos, em Washington D.C., o rondoniense Samuel Saraiva sugeria à Organização das Nações Unidas (ONU) investimentos em tecnologia Fr

Os 96 anos de Bom Jesus da Lapa e a bela homenagem do prefeito

Os 96 anos de Bom Jesus da Lapa e a bela homenagem do prefeito

No último dia 30 de agosto de 2019 a querida cidade de Bom Jesus da Lapa – BA, conhecida no mundo inteiro, como a Capital Baiana da Fé, comemorou os

Salve o dia 7 de Setembro, dia da Independência do Brasil

Salve o dia 7 de Setembro, dia da Independência do Brasil

Ótima data para o presidente Jair Bolsonaro proclamar o grito dos cativos da OAB

Fumaça nos olhos

Fumaça nos olhos

As queimadas na Amazônia foram politicamente boas para todos os lados