Porto Velho (RO) segunda-feira, 23 de setembro de 2019
×
Gente de Opinião

Opinião

Advogado compra a Abril falida


Advogado compra a Abril falida - Gente de Opinião


Um final melancólico, que encerra a dissipação praticada pelos sucessores do imenso e valioso patrimônio construído por Victor Civita ao longo de 40 anos: o grupo Abril acaba de comunicar que vendeu 100% de suas ações para o empresário e advogado Fábio Carvalho. Para ser aprovado, o acordo ainda precisará passar pela análise do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade).

Com a aprovação do Cade para ser colocado em prática, Carvalho assumirá o controle societário e ocupará a posição de presidente do grupo. A Abril, que já foi a maior editora de revistas do continente, tendo na revista Veja a joia da coroa, deve 1,6 bilhão de reais, R$ 1,1 bilhão dos quais para bancos. Em agosto, pediu sua recuperação judicial.  A justiça lhe impôs o pagamento aos seus funcionários e a readmissão dos que foram demitidos.

Por meio de nota, Fábio Carvalho se manifestou sobre o negócio: “A história do Grupo Abril está intimamente relacionada com os grandes eventos políticos e econômicos que marcaram a história do Brasil nas últimas décadas. A capacidade e importância jornalística do Grupo é inegável. Não temos dúvida dos méritos e qualidades que permeiam as companhias do Grupo e que serão os pilares sobre os quais nos apoiaremos para superar os grandes desafios que se apresentam”.

Principal executivo da empresa, o herdeiro Giancarlo Civita, um dos netos de Victor, também se pronunciou: “Com a venda do Grupo Abril para Fábio Carvalho, a família Civita delega a ele a tarefa de administrar os desafios e as oportunidades que estão no horizonte da nova mídia. Fábio reúne as características de empreendedor e a visão de negócio que os novos tempos exigem. Desejamos a ele muito sucesso”.

A Abril distribuiu uma nota, na qual informa que Fábio “foca suas atividades empresariais na aquisição de companhias em crise financeira com o objetivo de conduzir amplas reestruturações e trazê-las novamente ao estado de estabilidade e crescimento, contará com a estrutura da Legion Holdings, sociedade de investimentos que fundou, composta por um time de especialistas em renegociações de dívidas e transformações operacionais. Uma vez concretizada a transação, a nova equipe se juntará a executivos do Grupo Abril, bem como aos profissionais da Alvarez & Marsal, hoje responsáveis pela coordenação dos esforços de superação da crise pela qual passam as companhias do Grupo".

A pergunta que se pode fazer a partir dessa observação é sobre a importância que o jornalismo terá nesse plano de recuperação econômico-financeira. Independentemente do sucesso da difícil empreitada, uma coisa é certa; oficializa-se o fim de uma era, que começou a ruir com a morte de Victor Civita seguiu uma trajetória rara e exemplar de empresário, em particular de jornalismo, no país.

Pude testemunhar o alto padrão profissional da Abril na redação em São Paulo e, depois, como correspondente de Veja em Belém. Na sede, o almoxarifado respondia ao pedido de “algumas laudas” para levar para o trabalho em casa com uma resma, no mínimo; um pacote do remédio no lugar de um comprimido; comida de primeira no restaurante da empresa; viagens para qualquer lugar que rendesse uma boa matéria; gente competente dando cobertura na retaguarda ao trabalho de linha de frente; apoio em ocasiões difíceis.

Esta Abril jamais será ressuscitada. Virou história, memória, lembrança e saudade.  A maior contribuição dos herdeiros do fundador foi contribuir para essa melancolia.

 

Mais Sobre Opinião

Furacão Dorian impõe o flagelo da fome às Bahamas; 11 anos atrás, Samuel Saraiva indicava moderna tecnologia para estocagem de alimentos

Furacão Dorian impõe o flagelo da fome às Bahamas; 11 anos atrás, Samuel Saraiva indicava moderna tecnologia para estocagem de alimentos

Há exatamente 11 anos, em Washington D.C., o rondoniense Samuel Saraiva sugeria à Organização das Nações Unidas (ONU) investimentos em tecnologia Fr

Os 96 anos de Bom Jesus da Lapa e a bela homenagem do prefeito

Os 96 anos de Bom Jesus da Lapa e a bela homenagem do prefeito

No último dia 30 de agosto de 2019 a querida cidade de Bom Jesus da Lapa – BA, conhecida no mundo inteiro, como a Capital Baiana da Fé, comemorou os

Salve o dia 7 de Setembro, dia da Independência do Brasil

Salve o dia 7 de Setembro, dia da Independência do Brasil

Ótima data para o presidente Jair Bolsonaro proclamar o grito dos cativos da OAB

Fumaça nos olhos

Fumaça nos olhos

As queimadas na Amazônia foram politicamente boas para todos os lados