Porto Velho (RO) terça-feira, 29 de setembro de 2020
×
Gente de Opinião

Municípios

VILHENA COMEMORA 12 ANOS DE CRESCIMENTO



O maior PIB e o maior IDH da região norte. Em Rondônia, somente Ariquemes tem índices próximos. Nada foi por acaso. Há doze anos Melki Donadon iniciava seu ciclo político em Vilhena, para conduzir uma grande transformação econômica e social
.

Vitor Paniágua – Vilhena - Este ano completa-se doze anos que o ex-prefeito Melki Donadon chegou a Vilhena. Embora Vilhena já houvesse saído de um grande marasmo, encontrava-se em uma grande encruzilhada. A cidade tinha pouco mais de 40 mil habitantes, sua economia era incipiente, não havia iniciativas no setor industrial, duas apenas eram as lojas de materiais de construção, um bom termômetro para se medir a taxa de crescimento predial e residencial de uma cidade. Vilhena tem hoje mais de 40 lojas de materiais de construções, uma população de aproximadamente 90 mil habitantes, grandes indústrias, um comércio forte e diversificado.

Com medidas ousadas Melki conseguiu atrair empresas, criou setores industriais com infra-estrutura, propôs leis de incentivos fiscais para indústrias, firmou parcerias com a iniciativa privada, possibilitou a criação de novos bairros, de maneira que a cidade recebeu novos moradores e passou a impulsionar o consumo. Vilhena saiu de uma encruzilhada para descobrir sua vocação agrícola, pecuária, industrial e, acima de tudo, prestadora de serviços. O país reconhece isso. Em 2005 a Exame, maior revista de economia do país, posicionou Vilhena com o sétimo município brasileiro em crescimento no agronegócio. Este ano a revista Veja, que dispensa apresentação, destacou Vilhena como a melhor cidade em qualidade de vida da região norte e entre as 40 do Brasil. Por último a revista Pequena Empresas Grandes Negócios registrou o município de Vilhena entre os 25 melhores e mais seguros do país para se investir.

Numa escala de 0 a 1, o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) alcança 0,771, quase a excelência. Em 2005 o Produto Interno Bruto (PIB) já era de R$ 797.280.000.00. Em Rondônia quem chegou mais próximo foi Ariquemes (IDH-0,752 e PIB de R$ 693.339.000.00).

Isto tudo não caiu do céu, nem ocorreu por acaso, como alguns querem fazer crer. Vamos por parte. O empresário do agronegócio em Vilhena mora e investe em Vilhena. Investe porque viu as rédeas bem seguras nas mãos de quem administrou o município em seu período de incertezas. Ele vive porque a cidade ganhou qualidade de vida com as administrações de Melki. Temos a melhor saúde de Rondônia, a melhor educação, a cidade mais planejada, mais limpa, melhor iluminada. Melki triplicou o montante de ruas e avenidas asfaltadas, que não chegava a 30 quilômetros. Bairros inteiros ganharam vida. E chegou-se a melhor qualidade de vida da região norte com muito trabalho, que a revista Veja enxergou. Chegaram os melhores serviços, as melhores lojas. E um PIB de 73% que somente revistas especializadas e credibilizadas, como a Pequenas Empresas, Grandes Negócios, mensuram e divulgam para seus milhares de leitores empreendedores buscarem para investir. Está tudo lá, nas três revistas citadas, é só querer checar o que estamos falando e verificar que os melhores atestados da competente e pujante administração que Melki promoveu em Vilhena são das três maiores publicações brasileiras em seus segmentos.  É claro que a população ordeira de Vilhena, os empresários e comerciantes abnegados, tiveram importante parcela de colaboração. Mas, eles mesmos são testemunhas que antes da ascensão de Melki Donadon no comando do município seus imóveis pouco ou nada valiam, terrenos eram vendidos em regiões hoje valorizadas por ninharias. Foi o comando firme da administração municipal nas mãos de um homem trabalhador e competente que restabeleceu a confiança nos vilhenenses.

Para não falar nos programas sociais, como a fábrica de bolas, de pão e leite de soja que acabou com a desnutrição infantil na cidade, do instituto do rim, hemocentro, a transformação do Regional no melhor hospital da região, programas de atendimento à mulher, aos idosos, as crianças, aos adolescentes e à gestante que correram o mundo a ponto de serem premiados pela UNESCO e copiados por outros municípios. Sem falar que os projetos em pauta para os próximos quatro anos são todos íntimos e do conhecimento do Melki porque foram pensados e gestados ainda em sua administração.  "Foi uma grande vitória de Vilhena e sua gente, sobretudo de Rondônia, que tem um povo formidável e trabalhador e certamente tem orgulho do crescimento de uma de suas importantes cidades", disse Melki.

Fonte: Vitor Paniagua

Mais Sobre Municípios

Semana do Trânsito: Comitê encerra atividades comemorativas

Semana do Trânsito: Comitê encerra atividades comemorativas

A Secretaria Municipal de Saúde (Semusa), coordenadora do Comitê Municipal de Segurança Viária, realizou na última sexta-feira (25) o encerramento d

Nota Pública - Paralisação do transporte urbano em Porto Velho

Nota Pública - Paralisação do transporte urbano em Porto Velho

A Prefeitura de Porto Velho, através da Secretaria Municipal de Trânsito, Mobilidade e Transportes (Semtran), informa que foi confirmada a paralisaç