Porto Velho (RO) terça-feira, 19 de novembro de 2019
×
Gente de Opinião

Municípios

União e superação, são as palavras de ordem em Guajará Mirim


O deputado Miguel Sena, presidiu na manhã desta segunda-feira na Câmara de Vereadores em Guajará Mirim, o simpósio cujo objetivo visou à apresentação de propostas para o desenvolvimento do município. O evento contou com as presenças de diversas autoridades e políticos.  A união e a superação de questões partidárias foram as palavras de ordem dos políticos que discursaram e ressaltam a urgente necessidade de se buscar novas alternativas econômicas para a região.

Na abertura dos trabalhos, a mesa diretora foi composta pelo deputado Miguel Sena; prefeito Dedé de Melo; vereador Vander de Oliveira, presidente da Câmara Municipal; Alberto Assad Azzi Santos, presidente da Associação Comercial; professor Expedito Ferraz Junior, representando a Universidade Federal de Rondônia; Rosinete Sena, presidenta da Caerd; além de representantes de associações, cooperativas e entidades religiosas.

A importância do evento, visando à busca de propostas que garantam novos horizontes para o município de Guajará Mirim, foram registradas nos pronunciamentos do presidente da Associação Comercial e do representante da Unir.

A presidenta da Caerd, Rosinete Sena, disse que a iniciativa era louvável por garantir uma oportunidade das pessoas se reunirem para registrar seus problemas e apontar soluções. Este encontro, prosseguiu, significa seguramente um bom caminho, todavia, disse: "é preciso entender que não basta falar, necessário se faz agir, e que cada um faça a sua parte".

Já o presidente da Câmara de Vereadores de Guajará Mirim, vereador Vanderlei de Oliveira destacou a importância do evento, por oportunizar o debate, visando principalmente o desencadeamento de ações que garantam a geração de emprego e renda. Lamentou ele, que o município esteja sobrevivendo com base na economia do contra-cheque, e que por falta de investimentos, muitas pessoas estejam abandonando a região.

O prefeito Dedé de Melo discorreu inicialmente sobre o trabalho interno de reorganização administrativa da prefeitura, da escassez de recursos, e ressaltou em seguida que não concorda com os discursos que "vendem" o município como terra arrasada, por não contribuir em nada com a auto-estima da população. Segundo ele, as desavenças políticas, só têm levado prejuízo à população e desta forma pregou a união de todos.

O deputado Miguel Sena iniciou seu pronunciamento fazendo um breve relato sobre a situação econômica das prefeituras e do Estado, destacou as ações do governo estadual, do apoio de Ivo Cassol a região, e da regularidade dos repasses do Fundo de Participação dos Municípios. O parlamentar ressaltou a necessidade de se dar uma trégua nas questões de ordem político-partidária, em prol de se assegurar melhorias para o povo.  Ele destacou também as obras que o governo já fez em Guajará-Mirim, citando como exemplo as obras de expansão da rede de abastecimento de água. Anunciou para breve uma operação limpeza com maquinário do governo.


Turismo como alternativa econômica em debate para Guajará Mirim

O turismo como a grande alternativa para o desenvolvimento econômico de Guajará- Mirim foi o primeiro painel no ciclo de debates do simpósio promovido nesta segunda-feira. A palestra esteve a cargo do tenente coronel bombeiro e bacharel em turismo – Lioberto Caetano de Souza, que aproveitou uma tese acadêmica cujo foco foi o turismo de aventura.

Segundo o especialista, a solução dos problemas econômicos de Guajará-Mirim, está seguramente no turismo, e citou a base científica, através da tese acadêmica apresentada recentemente na comunidade científica.

De acordo com o bacharel em turismo Lioberto Caetano, as unidades de conservação da região podem ser exploradas turisticamente, mas destacou, no entanto a importância de se valorizar as pessoas. Citou ainda que a valorização turística de Rondônia é natural e Guajará-Mirim desta forma é altamente privilegiada por contar com a Reserva do Pacaás Novos e a Reserva Extrativista do Rio Ouro Preto. Para Lioberto Caetano, Guajará-Mirim não pode ficar na dependência do comércio com a Bolívia e por isto a comunidade e as autoridades devem ficar atentas e criar sempre o vínculo com o turismo.

O secretário municipal de Turismo, Ricardo Bartholo anunciou estudos visando à criação do Parque Municipal na Serra do Pacaás Novos e ainda, defendeu a necessidade de se trabalhar plano de manejo nas áreas de preservação ambiental e nas reservas existentes na região de Guajará-Mirim. A representante da Superintendência de Turismo do Governo de Rondônia, Débora Cavalcante, defendeu a necessidade de se elaborar com urgência um plano de turismo municipal e de se desencadear esforços reais quanto ao plano de manejo, extremamente necessário para que se possa explorar turisticamente estas áreas de preservação.

Fonte: ALE

Mais Sobre Municípios

Prefeitura Porto Velho inicia asfaltamento de ruas no bairro Conceição

Prefeitura Porto Velho inicia asfaltamento de ruas no bairro Conceição

Por determinação do prefeito Hildon Chaves, a prefeitura de Porto Velho está executando obras de asfaltamento simultaneamente em vários bairros da cap

Transporte Coletivo em Porto Velho: empresas interessadas devem apresentar propostas até 2 de dezembro

Transporte Coletivo em Porto Velho: empresas interessadas devem apresentar propostas até 2 de dezembro

Empresas interessadas em participar do processo licitatório para contratação daquela que vai operar o transporte coletivo em Porto Velho, têm prazo at

Porto Velho: prazo para renegociar dívidas com a prefeitura termina no dia 19 de dezembro

Porto Velho: prazo para renegociar dívidas com a prefeitura termina no dia 19 de dezembro

Contribuintes que estão em débito com a Prefeitura de Porto Velho têm até o dia 19 de dezembro deste ano para renegociar suas dívidas, inclusive com a

Vilhena: concurso da Prefeitura e Saae já têm mais de 20 mil inscritos: prazo acaba dia 24

Vilhena: concurso da Prefeitura e Saae já têm mais de 20 mil inscritos: prazo acaba dia 24

Abertas há pouco mais de 20 dias, as inscrições para os concursos da Prefeitura de Vilhena e do Saae (Serviço Autônomo de Água e Esgoto) já superaram