Porto Velho (RO) segunda-feira, 21 de setembro de 2020
×
Gente de Opinião

Municípios

Rio Machado pode provocar enchente de grandes proporções em Ji-Paraná (RO)



Devido ao retorno das chuvas no centro-sul do Estado, a elevação do nível do rio Machado assusta e já deixa desalojados em Ji-Paraná. O rio também alaga parte de Cacoal e Pimenta Bueno.
 
Daniel Panobianco - A instabilidade retornou ao território rondoniense, assim com havia sido previsto e com isso, o nível dos rios e igarapés que desembocam no rio Machado subiu vertinosamente nas últimas 24 horas. Somente na região de Cacoal, dados de plataformas de coletas de dados indicaram quase 100 milímetros de chuva entre a tarde de quinta-feira e a madrugada desta sexta-feira (22). Em Pimenta Bueno também voltou a chover de forma generalizada e na região da Zona da Mata, chuvas fortes atingiram Primavera de Rondônia, Rolim de Moura e Nova Brasilândia d'Oeste. 

Em Alvorada d'Oeste, também choveu forte em diversos pontos, o que aumentou o nível do rio que corta do município. 

Toda essa água tem um único destino; O rio Machado, que já alaga residências em Cacoal, na junção com o ribeirão Pirarara. 

Em Ji-Paraná, às 3 horas, a régua da estação telemétrica da ANA (Agência Nacional de Águas) acusou para um nível de 10,60 metros, um aumento de 10 centímetros em 24 horas. 

Pelo menos seis bairros de Ji-Paraná já estão sendo afetados pela enchente, sendo a situação mais crítica nos bairros Primavera, Duque de Caxias e Casa Preta.

Como ainda há previsão de muita chuva até o domingo, o nível do Machado vai beirar, senão ultrapassar os 11 metros, o que levaria a enchente para boa parte da Avenida Transcontinental, na região da Vila Jotão e também o refluxo no igarapé do Canal Dois de Abril, no centro da cidade. 

Na enchente do ano passado, todas essas áreas foram afetadas pela água prejudicando a vida de pelo menos 10 mil pessoas. 

Como ainda estamos em janeiro e, se depender do regime de chuvas, até meados de abril, o rio Machado continuará com seu comportamento nervoso de sobe e desce, com os alagamentos.

Fonte: De olho no tempo

Mais Sobre Municípios

Semusa promove ações de valorização da vida para profissionais de saúde

Semusa promove ações de valorização da vida para profissionais de saúde

Setembro é o mês de intensificação das ações de prevenção ao suicídio através da campanha Setembro Amarelo. Em um ano de pandemia, com o isolamento

Prefeitura de Rolim de Moura: Nota de pesar Doutor  Renê

Prefeitura de Rolim de Moura: Nota de pesar Doutor Renê

É com profunda tristeza que a prefeitura de Rolim de Moura (RO) comunica o falecimento do médico Renê Alfredo Delgadillo Salgueiro, vítima da COVID-

Doações do Imposto de Renda beneficia entidades sociais de Ji-Paraná

Doações do Imposto de Renda beneficia entidades sociais de Ji-Paraná

A Prefeitura de Ji-Paraná, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas) e o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolesce