Porto Velho (RO) quinta-feira, 1 de outubro de 2020
×
Gente de Opinião

Municípios

PM IMPDE QUE HOMEM MATE MULHER E FILHO EM VILHENA


 
Na noite do dia 24 de julho, por volta das 20horas a Central de Operações da PM em Presidente Médici recebeu uma ldenuncia que na Avenida Dom Bosco nº 1312 um homem estaria agredindo fisicamente uma mulher. A guarnição de serviço composta pelos PMs Diones, Junior e Rocha, auxiliada pelos Policiais do Núcleo de Inteligência foi designada para atender a ocorrência. Ao chegarem no local, encontraram o elemento Gleuton Corveiro Pinheiro de posse de um facão e com um de seus filhos no colo, sendo que o mesmo mostrava-se muito alterado, e ao tentarem conversar com Gleuton, ele não informou o motivo de seu nervosismo.

Após vários minutos de diálogo, Gleuton resolveu entregar seu filho a sua esposa. O nervosismo de Gleuton era tamanho que ele por algumas vezes colocou o facão em seu pescoço e ameaçava de se matar, tendo também esfregado o corte do referido facão em seu braço esquerdo, na tentativa de se cortar. Após algum tempo ele saiu correndo para os fundos de sua residência, pulando o muro e adentrando a um terreno baldio, tendo os policiais encontrado o mesmo em cima de uma árvore.

Mais alguns minutos de diálogo, Gleuton resolveu descer, porém ameaçou investir contra a Guarnição PM, sendo contido e conduzido a DEPOL, e apresentado a Autoridade Policial. Somente após ter conseguido segurá-lo, foi possível conversar calmamente com a esposa de Gleuton, Adriana Rodrigues Lopes, 21 anos, que se mostrava muito nervosa e chorava muito, tendo a mesma narrada que seu esposo chegou em casa embriagado e começou a atacá-la. Antes dos policiais chegarem, Gleuton teria agredido-a com o facão, batendo nela com ele de prancha principalmente em suas costas (assim falado por ela), deixando várias escoriações pelas demais partes de seu corpo.

Ela disse ainda que ele também pegou um pedaço de madeira e a atacou. A mesma foi conduzida ao Hospital Municipal para exame de Corpo Delito onde ficaram diagnosticadas as várias lesões sofridas por Adriana.

Gleuton completou 22 anos de idade no ultimo dia 23/07, e irá responder pelo crime de Maria da Penha. Por final, o motivo de toda essa agressividade por parte de Gleuton seria porque sua esposa teria pago uma conta atrasada que um cobrador teria ido receber em sua casa, e Adriana teria pago o mesmo sem seu consentimento, segundo o próprio Gleuton.

Fonte: Lenilson Guedes

Mais Sobre Municípios

Semana do Trânsito: Comitê encerra atividades comemorativas

Semana do Trânsito: Comitê encerra atividades comemorativas

A Secretaria Municipal de Saúde (Semusa), coordenadora do Comitê Municipal de Segurança Viária, realizou na última sexta-feira (25) o encerramento d

Nota Pública - Paralisação do transporte urbano em Porto Velho

Nota Pública - Paralisação do transporte urbano em Porto Velho

A Prefeitura de Porto Velho, através da Secretaria Municipal de Trânsito, Mobilidade e Transportes (Semtran), informa que foi confirmada a paralisaç