Porto Velho (RO) domingo, 20 de setembro de 2020
×
Gente de Opinião

Municípios

OAB propõe operação desarmamento em Buritis para garantir a ordem pública



O registro de três assassinatos em um único fim de semana em Buritis deve acender uma luz vermelha nos órgãos de segurança pública. A advertência é do presidente da Seccional Rondônia da Ordem dos Advogados do Brasil, advogado Hélio Vieira, reclamando providências para o restabelecimento da ordem pública, há muita abalada, em Buritis e região.

Na terça-feira, ao se avistar com a direção geral da Polícia Civil para cobrar ações contra a ação de marginais em Ariquemes, onde quatro escritórios de advogados foram assaltados, Hélio Vieira já havia alertado os delegados Moriô Ikegawa e Deraldo Scatolon para a gravidade do problema da violência sem limite em Buritis. "Pelo que percebi, nem mesma a direção da Polícia estava informada sobre essa verdadeira chacina que ocorreu no final de semana em Buritis, com registro de três assassinatos. E isso é muito grave", acentua o representante da advocacia rondoniense.

Essas ocorrências, de acordo com Hélio Vieira, são indicadores de que já não comporta somente as providências de praxe que a Secretária de Estado da Segurança Defesa e Cidadania vem adotando, como o anunciado enviou de mais policiais. É necessário, ainda segundo ele, que se faça um trabalho de maior impacto e sugere que se estude a realização de uma grande operação policial com o objetivo de desarmar a população, para garantir a segurança de todos.
 
"O que percebemos é que a sociedade está pedindo socorro e ninguém escuta", disse o presidente da OAB, referindo-se ao grande número de reclamações da população de Ariquemes, Buritis e Região encaminhado a OAB. Hélio Vieira cobra da direção da Polícia civil providências urgentes para conter a onda de homicídios que vem ocorrendo em Buritis, onde segundo ele, já há um histórico de violência e terror. "Já tivemos um colega – o advogado Orli Rosa – assassinado friamente e até o juiz da Comarca já teve de andar sob proteção policial para não ser morto. Isso denota que a situação em Buritis exige uma tomada de posição das autoridades de Segurança Pública", observa Hélio.

Fonte: Ascom/Carlos Araújo – MTb 162-RO

Mais Sobre Municípios

Semusa promove ações de valorização da vida para profissionais de saúde

Semusa promove ações de valorização da vida para profissionais de saúde

Setembro é o mês de intensificação das ações de prevenção ao suicídio através da campanha Setembro Amarelo. Em um ano de pandemia, com o isolamento

Prefeitura de Rolim de Moura: Nota de pesar Doutor  Renê

Prefeitura de Rolim de Moura: Nota de pesar Doutor Renê

É com profunda tristeza que a prefeitura de Rolim de Moura (RO) comunica o falecimento do médico Renê Alfredo Delgadillo Salgueiro, vítima da COVID-

Doações do Imposto de Renda beneficia entidades sociais de Ji-Paraná

Doações do Imposto de Renda beneficia entidades sociais de Ji-Paraná

A Prefeitura de Ji-Paraná, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas) e o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolesce