Porto Velho (RO) quarta-feira, 20 de janeiro de 2021
×
Gente de Opinião

Municípios

OAB cobra do MP envio de mais promotores para Jaru



A Comarca de Jaru, a 3ª maior do Estado em número de atendimento à população (a 1ª é Porto velho e a 2ª é Vilhena), corre o risco de ficar sem promotor de Justiça. Apenas um promotor atende toda a Comarca que abrange outros municípios da região. Com os trabalhos concentrados em uma única pessoa, devido à sobrecarga, processos e decisões que dependem do envolvimento do promotor acabam sendo postergados, o que causa morosidade na finalização dos processos. A denúncia é do presidente da Subseção da Ordem dos Advogados do Brasil em Jaru, advogado Mário Roberto Pereira de Souza.

Segundo Mário Roberto, depois de um levantamento foi constatado que Comarcas menores, como a de Ariquemes e Ji-Paraná, têm até seis promotores cada uma. “Como aqui (em Jaru) só tem um, se ele adoecer, a Comarca ficará desassistida pelo Ministério Público”, alerta. O advogado acrescenta que a permanecer o atual quadro, o promotor não agüentará por muito tempo devido ao stresse da sobrecarga de trabalho e responsabilidades a que é submetido.

Alertando a corregedoria do Ministério Público para problema, o presidente da Subseção da OAB Jaru lembra que o promotor é peça fundamental no andamento de ações, formando, junto com o juiz e o advogado o conhecido tripé que a Justiça. “O promotor representa o estado como parte acusadora e sua ausência inviabiliza o funcionamento da Justiça”, reitera.

De acordo como Mário Roberto, muitos cidadãos implicados em processos sofrem com a demora da análise do caso. “O promotor não é onipresente, há audiências que chegam a ser realizadas sem ele, por que, na maioria das vezes, o promotor já está executando outras tarefas de responsabilidade da promotoria”. Mário Roberto acentua que o problema prejudica os trabalhos e compromete o tripé que compõe a Justiça (advogado, promotor de Justiça e Juiz).

Há a necessidade urgente, segundo o presidente da Subseção da OAB Jaru, de se encaminhar mais um promotor para a comarca. “Nossa reclamação não é quanto o trabalho do promotor. Sabemos que é humanamente impossível uma só pessoa cumprir a demanda da Comarca. O mínimo que pode ser feito é o Ministério Público encaminhar mais um promotor para atender Jaru”, reclama.

Fonte: Ascom OAB-RO

 

Mais Sobre Municípios

Prefeitura de Ariquemes suspende aumento de tarifas do serviço público de abastecimento de água e esgotamento sanitário

Prefeitura de Ariquemes suspende aumento de tarifas do serviço público de abastecimento de água e esgotamento sanitário

A Prefeitura de Ariquemes, por meio da Procuradoria Geral do Município (PGM), editou nesta segunda-feira (18), o decreto Nº17.133/21, que visa suspe

Semagric mantém equipes para situações emergenciais

Semagric mantém equipes para situações emergenciais

Conforme o inverno amazônico apresenta maior precipitação pluviométrica, causando danos às estradas vicinais, a Secretaria Municipal de Agricultura, P

Prefeita de Ariquemes visita produtor de silagem de milho e criador de gado leiteiro

Prefeita de Ariquemes visita produtor de silagem de milho e criador de gado leiteiro

Na oportunidade o Secretário de Agricultura Indústria e Comércio (SEMAIC), Antônio Marcos, acompanhou a prefeita Carla Redano, que visitaram a proprie

Hospital de Campanha da Prefeitura de Vilhena vai oferecer mais 20 leitos para covid-19 nos próximos dias

Hospital de Campanha da Prefeitura de Vilhena vai oferecer mais 20 leitos para covid-19 nos próximos dias

A Prefeitura de Vilhena está habilitando um Hospital de Campanha para atender os pacientes que necessitem de atendimento e tenham sintomas de covid-