Porto Velho (RO) quinta-feira, 21 de outubro de 2021
×
Gente de Opinião

Municípios

Novas regras inviabilizam financiamentos em Ji-Paraná



O vereador Marcos Rogério (PDT) criticou as mudanças impostas pela Caixa econômica Federal nas regras para obtenção de financiamento habitacional para mutuários que se enquadram no Programa Minha Casa, Minha Vida, do Governo Federal. Com as novas regras os financiamentos serão liberados somente em locais com ruas pavimentadas.

Marcos Rogério informou que dsde a última segunda-feira (14), está em vigor uma nova exigência da Caixa Econômica Federal (CEF) com relação ao financiamento de imóveis no âmbito do Programa Minha Casa, Minha Vida. Segundo a instituição financeira, imóveis prontos, cuja produção não tenha sido financiada pela CEF, só terão aporte financeiro liberado via o Minha Casa, Minha vida se estiverem localizados em vias pavimentadas.

Por meio de nota, a CEF declarou que "o objetivo da alteração, além de dar tratamento igualitário a todas unidades financiadas no âmbito do Programa Federal, teve também a função de preservar a qualidade e as condições de habitabilidade dos imóveis, resguardando os interesses das famílias que adquirem essas moradias".

Entretanto, o vereador afirma que a exigência é contraditória à idéia original do Programa e está muito aquém da realidade dos municípios de Rondônia.

“O Minha Casa, Minha Vida é destinado a cidadãos de baixo poder aquisitivo, que se enquadram na faixa de renda de até 3 salários mínimos, devendo ainda comprometer-se até 10% da renda durante dez anos para o pagamento das prestações. Como essas pessoas conseguirão imóveis em ruas pavimentadas em valores de até R$ 80 mil?

È uma missão impossível para nossa realidade imobiliária”, criticou Marcos.

O legislador disse que irá mobilizar a bancada federal para que interceda junto a Caixa Econômica Federal visando a revisão dessas exigências para Rondônia


Fonte: Ascom
 

Mais Sobre Municípios

Porto Velho avança para a última fase do Plano Municipal de Enfrentamento à pandemia

Porto Velho avança para a última fase do Plano Municipal de Enfrentamento à pandemia

O avanço na aplicação das vacinas, a redução do número de internações e de novos casos da covid-19, fizeram com que Porto Velho avançasse da Fase Amar

SEMED compra milhares de frascos de álcool e armazena em local inadequado em Porto Velho

SEMED compra milhares de frascos de álcool e armazena em local inadequado em Porto Velho

O vereador Everaldo Fogaça (Republicanos) flagrou o que pode ser um polêmico caso de desperdício de dinheiro público pela Prefeitura de Porto Velho:

Porto Velho: Decreto transfere ponto facultativo para o dia 1º de novembro

Porto Velho: Decreto transfere ponto facultativo para o dia 1º de novembro

O ponto facultativo alusivo ao Dia do Servidor Público, comemorado no próximo dia 28 de outubro, foi transferido para o dia 1º de novembro de 2021 pel