Porto Velho (RO) quarta-feira, 17 de outubro de 2018
×
Gente de Opinião

Municípios

Mutirão Carcerário revisa processos e oferece serviços de cidadania a presos


A comarca de Santa Luzia d’Oeste realizou o Mutirão Carcerário para presos definitivos e provisórios dos dias 7 a 10 de maio. A ação revisou todo o acervo da execução e ofereceu serviços gratuitos nas áreas de educação e saúde. Os cálculos e decisões proferidas foram encaminhados à direção da cadeia pública da cidade para deliberação.

A magistrada Larissa Pinho de Alencar Lima coordenou a ação. Ela procedeu a revisão dos processos junto com os servidores da unidade judicial e também analisou todos os requerimentos (cartas feitas pelos próprios presos) que foram recolhidos durante a semana.

Os apenados também receberam atendimento básico de saúde, participaram de atividades educativas, físicas e ganharam um café da manhã. Também foram realizadas consultas médicas, disponibilizados testes rápidos, disponibilização de livros, atendimentos individualizados com massagem voltada para tratamento de dores e uma aula de exercícios físicos aeróbicos e de alongamento.

As ações de responsabilidade sociais são ferramentas importantes para o Poder Judiciário de Rondônia na busca pela ressocialização do apenado. De acordo com a magistrada Larissa Pinho, a intenção da Lei de Execuções Penais e da Constituição Federal é oferecer recursos para que o preso tenha uma melhor e mais adequada reinserção na sociedade.

“Todos sairão do cárcere após cumprir sua pena. Poder conscientizá-los acerca de suas responsabilidades sociais é tão importante quanto prepará-los para conviver com a sociedade”, ponderou a magistrada.

As atividades de ressocialização foram possíveis com a parceria da Secretaria Municipal de Saúde (Sesau/RO), que disponibilizou os testes rápidos; Secretaria Municipal de Educação e Cultura (Semec), que levou o projeto de leitura “Mala Viajante”; Academia Estação Fitness, que ofereceu as aulas de exercícios físicos e Clínica Ilda Saúde e Estética, que levou as massagens. Também participaram o Ministério Público (MPRO), Defensoria Pública (DPE-RO) e Polícia Militar (PMRO).

O Mutirão Carcerário faz parte da política institucional do Poder Judiciário de Rondônia de revisar periodicamente as prisões provisórias, definitivas e as medidas de segurança. A revisão das prisões evita irregularidades e dá cumprimento à Lei de Execuções Penais.

Mais Sobre Municípios

MP firma TAC para recuperação de áreas protegidas na sub-bacia do Rio Pirarara em Cacoal

MP firma TAC para recuperação de áreas protegidas na sub-bacia do Rio Pirarara em Cacoal

O Ministério Público de Rondônia, por meio da Promotoria de Justiça de Cacoal, firmou Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) com 24 proprietários de ár

MP move ação com pedido de liminar para que Estado de Rondônia corrija irregularidades no Hospital Regional de Buritis

MP move ação com pedido de liminar para que Estado de Rondônia corrija irregularidades no Hospital Regional de Buritis

O Ministério Público de Rondônia ajuizou ação civil pública contra o Estado de Rondônia, em que requer, liminarmente, a adoção de uma série de med

30 anos da Constituição Federal é o tema de II Seminário da DPE-RO no interior

30 anos da Constituição Federal é o tema de II Seminário da DPE-RO no interior

 “30 anos da Constituição Federal: Temos o que comemorar”? Esta é a indagação que norteará as palestras do II Seminário da Defensoria Pública no Inter

O que é a Oficina SEI?

O que é a Oficina SEI?

SEBRAE OFERECE EM GUAJARÁ-MIRIM CAPACITAÇÃO AOS MICROEMPREENDEDORES INDIVIDUAIS