Porto Velho (RO) sábado, 18 de setembro de 2021
×
Gente de Opinião

Municípios

MP ajuiza ação para retirada de nomes 'Donadon' das fachadas de prédios públicos


 
O Promotor de Justiça Paulo Fernando Lermen, da Comarca de Vilhena, ajuizou Ação Civil Pública Declaratória de Ato de Improbidade Administrativa, com pedido de liminar, para que a Justiça determine a imediata retirada das fachadas dos prédios públicos, do município de Vilhena, a denominação de membros da família Donadon, impondo-se multa diária de R$ 1 mil para caso de descumprimento. A ação tem como réus o ex-prefeito do município, Melkisedeque Donadon e o atual, Marlon Donadon.

De acordo com investigação do Ministério Público,  as homenagens a membros da família Donadon    que dão nomes a prédios públicos, em especial escolas,  se deu pela primeira vez em 1998, quando o então prefeito do município, Melkisedeque Donadon, alterou o nome de uma escola municipal para “Maria Paulina Donadon”.  A prática continuou na atual administração, que no dia 22 de março deste ano, atribuiu a mais um prédio público, outra escola municipal, com o nome e “Mariano Donadon”, pai do prefeito Marlon Donadon. 

O Promotor observa que as denominações das escolas foram realizadas por decreto, das quais algumas foram referendadas pela Câmara Legislativa. No entanto, conforme o artigo 40 da Lei Orgânica do Município de Vilhena “cabe à Câmara, com sanção do prefeito, dispor sobre as matérias de competência do município” entre elas “criar, alterar ou autorizar a denominação de próprios, vias e logradouros públicos”.

Na Ação é pedido também a condenação dos réus, de acordo com o artigo 12, inciso III, da Lei nº 8.249/92,  com a perda da função pública, suspensão dos direitos políticos de três a cinco anos; ao pagamento de  multa civil de até cem vezes o valor da remuneração percebida pelo agente; a proibição de contratar com o Poder Público ou receber benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios, direta ou indiretamente, ainda que por intermédio de pessoa jurídica da qual seja sócio majoritário, pelo prazo de três anos.

Fonte: Ascom MPRO - Fábia Assumpção MTE/372/AL

Mais Sobre Municípios

Inscrições em conferência sobre urbanização e envelhecimento saudável seguem abertas até sábado

Inscrições em conferência sobre urbanização e envelhecimento saudável seguem abertas até sábado

A Conferência Livre PVH50+, promovida por iniciativa do Centro de Estudos e Pesquisas de Direito e Justiça, selecionada pelo Ministério do Desenvolvi

Sine Municipal de Porto Velho realiza cadastro de jovens na Associação Luz do Alvorecer

Sine Municipal de Porto Velho realiza cadastro de jovens na Associação Luz do Alvorecer

Com o propósito de fazer o cadastro de jovens aprendizes para encaminhá-los ao primeiro emprego por meio da Intermediação de Mão de Obra (IMO), equipe

Empenhado: Buritis recebe R$ 800 mil para iluminação em LED, ciclofaixa e fabricação de bloquetes

Empenhado: Buritis recebe R$ 800 mil para iluminação em LED, ciclofaixa e fabricação de bloquetes

O presidente Alex Redano (Republicanos) confirmou a destinação de R$ 800 mil em recursos para Buritis, assegurados através de seu mandato junto ao G

População se revolta e coloca fogo em ponte de madeira de União Bandeirantes

População se revolta e coloca fogo em ponte de madeira de União Bandeirantes

Uma ponte de madeira que permitia a travessia no distrito de União Bandeirantes o rio, foi parcialmente reduzida a cinzas, na madrugada desta segund