Porto Velho (RO) sexta-feira, 22 de outubro de 2021
×
Gente de Opinião

Municípios

Mais de 800 empregos garantidos:Cahulla intercede e frigoríficos retornam atividades


Mais de 800 empregos garantidos: Cahulla intercede e frigoríficos em Rolim e Ariquemes retomam atividades

Uma semana após se reunir com funcionários do frigorífico Margen, das unidades de Rolim de Moura e Ariquemes, para tentar buscar uma solução que evite o fechamento definitivo das operações das empresas, o governador João Cahulla anunciou nesta sexta-feira (30) que as pendências que impediam o funcionamento das unidades foram solucionadas e as atividades devem ser retomadas a todo vapor.

“Recebemos a informação dos funcionários acerca da situação da empresa e me reuni com o secretário estadual de Finanças, José Genaro, e o coordenador da Receita Estadual, Ciro Funada, para buscarmos uma solução legal para o impasse, que foi resolvido e agora o Mafrig, que assumiu as operações do Margen, poderá trabalhar com total eficiência e legalidade”, informou Cahulla, que fez o anúncio durante entrevista à rádio Clube Cidade AM e à rádio Getsêmani FM.

Com o processo de arrendamento do Margen ao Mafrig, houve um problema com a licença ambiental, na unidade de Rolim de Moura, que gera mais de 500 empregos. Porém, a grande dificuldade era em relação à inscrição estadual da nova empresa. “Como haviam duas inscrições distintas, para o mesmo endereço, foi suspensa a inscrição e as atividades paralisadas. Tudo  foi resolvido, dentro da legalidade para assegurar a retomada das atividades do frigorífico e os empregos”, disse Cahulla.

Do encontro com funcionários também participou o vereador de Rolim, Juninho do Frigorífico, que intermediou a reunião. “A unidade de Rolim emprega mais de 500 pessoas e em Ariquemes são mais de 280 empregos. A suspensão das atividades implicaria em desemprego e prejuízos para todos, pois sem emprego o cidadão não compra no comércio e não gera impostos”, completou o governador.

João Cahulla destacou também que considera a instalação dos frigoríficos e do laticínio, entre outras empresas, a maior obra do Governo para Rolim de Moura. “Cesta básica é apenas em caso de emergência. O que a população quer mesmo é emprego, é oportunidade de trabalhar e de sustentar a sua família. Por isso, considero que essa foi a grande obra:atrair empresas e assegurar empregos”, finalizou o governador.

Fonte: Decom

Mais Sobre Municípios

Complexo Beira Rio será sede da Prefeitura de Cacoal

Complexo Beira Rio será sede da Prefeitura de Cacoal

Visando por fim na antiga prefeitura no Centro de Cacoal, a atual administração está alterando a finalidade do Complexo Beiro Rio e levará, até o fi

Porto Velho avança para a última fase do Plano Municipal de Enfrentamento à pandemia

Porto Velho avança para a última fase do Plano Municipal de Enfrentamento à pandemia

O avanço na aplicação das vacinas, a redução do número de internações e de novos casos da covid-19, fizeram com que Porto Velho avançasse da Fase Amar

SEMED compra milhares de frascos de álcool e armazena em local inadequado em Porto Velho

SEMED compra milhares de frascos de álcool e armazena em local inadequado em Porto Velho

O vereador Everaldo Fogaça (Republicanos) flagrou o que pode ser um polêmico caso de desperdício de dinheiro público pela Prefeitura de Porto Velho: