Porto Velho (RO) terça-feira, 26 de janeiro de 2021
×
Gente de Opinião

Municípios

JUSTIÇA RÁPIDA: Judiciário realiza audiências no município de Pimenteiras do Oeste



O Juiz José Gustavo Melo Andrade, da Comarca de Cerejeiras, coordenou na Prefeitura do município de Pimenteiras, audiências de conciliação da Operação Justiça Rápida Itinerante. Paralelo às audiências foram expedidas 45 carteiras de identidade, 24 carteiras de trabalho, 04 certidões de nascimento e 64 títulos de eleitor. Ministério Público, Defensoria Pública, Polícia Militar, Polícia Civil, prefeitura do Município de Cerejeiras, Cartório extrajudicial de Registro Civil, Cartório móvel Eleitoral e a prefeitura do Município de Pimenteiras do Oeste contribuíram para a realização da Operação. 

Fonte: Ascom  – TJ RO

 

Mais Sobre Municípios

Farmácia municipal irá funcionar nos finais de semana em Ariquemes

Farmácia municipal irá funcionar nos finais de semana em Ariquemes

A prefeitura do município de Ariquemes anunciou que a farmácia popular, atenderá a população também nos finais de semana, a partir do último sábado,

Cacoal: indenização para servidores da saúde que atuam no hospital de campanha foi aprovada

Cacoal: indenização para servidores da saúde que atuam no hospital de campanha foi aprovada

Durante a primeira sessão extraordinária, realizada na manhã desta segunda-feira (25), na Câmara de vereadores de Cacoal, todos os doze vereadores (

Prefeitura de Porto Velho avisa que etapa de orientações Já passou e agora haverá notificações

Prefeitura de Porto Velho avisa que etapa de orientações Já passou e agora haverá notificações

A primeira operação realizada após a publicação do decreto 25.728, com o propósito de orientar e educar os comerciantes sobre os riscos de aglomeraç

Prefeitura de Ariquemes suspende aumento de tarifas do serviço público de abastecimento de água e esgotamento sanitário

Prefeitura de Ariquemes suspende aumento de tarifas do serviço público de abastecimento de água e esgotamento sanitário

A Prefeitura de Ariquemes, por meio da Procuradoria Geral do Município (PGM), editou nesta segunda-feira (18), o decreto Nº17.133/21, que visa suspe