Porto Velho (RO) sexta-feira, 22 de outubro de 2021
×
Gente de Opinião

Municípios

JI-PARANÁ: Festival Só Curta- Estadual de Curta-Metragem encerra com sucesso



Fechou com chave de ouro o “Festival Só Curta- Estadual de Curta-Metragem”, que aconteceu em Ji-Paraná nos últimos dias 22, 23 e 24. De acordo com o organizador do evento, professor Carlos Reis, diretor do departamento de artes cênicas da Fundação Cultural, o que mais surpreendeu nesta segunda edição do festival foi a excelente qualidade dos trabalhos apresentados. 

Participaram do evento, que aconteceu no Cine Colúmbia, 36 trabalhos, sendo 12 de ficção, um de animação, um experimental e 22 documentários. Foram realizadas duas sessões diárias, às 15 horas e 19h30. 

“As sessões foram muito bem freqüentadas, estamos felizes com o resultado do festival, principalmente em relação à qualidade dos trabalhos. Outro ponto interessante e que nos rendeu resultado bem positivo foi quanto ao valor do ingresso. Fizemos a experiência de colocar os ingressos à venda ao valor de uma moeda, para que assim fosse mantida toda a magia do cinema. Algumas pessoas se surpreendiam, às vezes não tinham uma moeda mas mesmo assim faziam questão em conseguir e comprar o ingresso”, comentou Carlos. 

No início do próximo ano, entre os meses de fevereiro e março, Carlos Reis estará organizando uma mostra “Os Curtas”, que reunirá os trabalhos que participaram das duas edições do “Festival Só Curta”, e serão exibidos no mês de abril. Segundo Carlos, essa mostra deverá ser apresentada em várias cidades rondonienses, além de Ji-Paraná. 

A terceira edição do “Festival Só Curta”, acontecerá na primeira quinzena do mês de outubro de 2010. 

Segue lista dos vencedores: 

Melhor ficção do Estado, melhor roteiro, ator e direção- “O Curioso Matuto”, de Jair Rangel de Souza, Porto Velho;
Melhor edição e fotografia- “Por dentro de um acidente”, de Edimar Oliveira, Cacoal;
Melhor curta de ficção de Ji-Paraná- “A casa da floresta”, de Diógenes Reis;
Melhor atriz- Fabiana Gravena, com o curta “os bonecos de jipa”.
Melhor documentário do Estado, melhor direção, edição e pesquisa- “Animus”, de Fernando Caettano;
Prêmio do júri- “O que há por trás”, de Andréia Machado, Vilhena;
Melhor documentário de Ji-Paraná- “João Congo”, de Patrícia Góes
.

Mais Sobre Municípios

Complexo Beira Rio será sede da Prefeitura de Cacoal

Complexo Beira Rio será sede da Prefeitura de Cacoal

Visando por fim na antiga prefeitura no Centro de Cacoal, a atual administração está alterando a finalidade do Complexo Beiro Rio e levará, até o fi

Porto Velho avança para a última fase do Plano Municipal de Enfrentamento à pandemia

Porto Velho avança para a última fase do Plano Municipal de Enfrentamento à pandemia

O avanço na aplicação das vacinas, a redução do número de internações e de novos casos da covid-19, fizeram com que Porto Velho avançasse da Fase Amar

SEMED compra milhares de frascos de álcool e armazena em local inadequado em Porto Velho

SEMED compra milhares de frascos de álcool e armazena em local inadequado em Porto Velho

O vereador Everaldo Fogaça (Republicanos) flagrou o que pode ser um polêmico caso de desperdício de dinheiro público pela Prefeitura de Porto Velho: