Porto Velho (RO) domingo, 24 de janeiro de 2021
×
Gente de Opinião

Municípios

FLOR DO CAMPO FAZ PROTESTO EM DEFESA DO FESTIVAL


Membros da Diretoria, brincante, artistas e amigos doBoi-Bumbá Flor do Campo promoveram na Câmara de Vereadores de Guajará, manifestação em defesa da realização e da preservação do Festival Folclórico de Guajará-Mirim, e em favor da proteção e perpetuação da brincadeira de boi-bumbá, patrimônio imaterial do povo brasileiro.FLOR DO CAMPO FAZ PROTESTO EM DEFESA DO FESTIVAL - Gente de Opinião

A manifestação aconteceu de forma ordeira, com os participantes ostentando diversas mensagens de protesto grafadas em cartazes, além de um estridente ‘apitaço’ promovido pelos manifestantes, chamando a atenção de todos que chegavam para participar da cerimônia pública que acontecia no plenário da Câmara.

Lideranças do movimento lamentaram o posicionamento do fundador da Nação Azul e Branca, Senhor Leonilson Muniz (o Léo) que, atendendo recomendação do Gabinete da SEMCET, orientou seus brincantes e artistas a não participarem do evento, dividindo ao meio o movimento. “Fico triste com a recuo da Diretoria do Malhadinho, que não entendeu o nosso objetivo que é somar a força das duas nações e garantir a realização do Festival”, declarou Izabel Assunção de Lima, colaboradora do Flor do Campo.

“Fazer bonitas alegorias, fantasias e coreografias não garante mais a sobrevivência do Festival. Flor do Campo e Malhadinho devem se organizar politicamente, protestar e deixar claro nossa insatisfação com o poder público e as autoridades que não cuidam com respeito e responsabilidade do Festival de Guajará”, afirmou a brincante Luciane Barbosa.

Porém, mesmo sozinho, o Flor do Campo chamou pra si a responsabilidade de realizar o protesto e, comandando seus bravos brincantes durante todo manifestação, deixou aos presentes, em especial para todas as autoridades, seu veemente protesto e repúdio quanto ao descaso para com a cultura popular.

No encerramento da solenidade, as autoridades presentes e parte dos convidados saíram, taticamente, pelas portas do fundo da Câmara, sem passar pelos manifestantes.

Foi neste momento que um representante da Nação Vermelha e Branca fez uso da palavra, observando que as autoridades estavam fugindo do recinto. Finalizou a manifestação lembrando que 2014 é ano de eleição e reeleição de políticos. “Aí eles virão pela porta da frente de nossas casas, na maior cara de pau, pedir o nosso voto, e será neste momento que vamos lembrar a todos eles de nossos sonhos e desejos para o Festival Folclórico de Guajará-Mirim, e daremos nossas respostas nas urnas”.

Mais Sobre Municípios

Prefeitura de Porto Velho avisa que etapa de orientações Já passou e agora haverá notificações

Prefeitura de Porto Velho avisa que etapa de orientações Já passou e agora haverá notificações

A primeira operação realizada após a publicação do decreto 25.728, com o propósito de orientar e educar os comerciantes sobre os riscos de aglomeraç

Prefeitura de Ariquemes suspende aumento de tarifas do serviço público de abastecimento de água e esgotamento sanitário

Prefeitura de Ariquemes suspende aumento de tarifas do serviço público de abastecimento de água e esgotamento sanitário

A Prefeitura de Ariquemes, por meio da Procuradoria Geral do Município (PGM), editou nesta segunda-feira (18), o decreto Nº17.133/21, que visa suspe

Semagric mantém equipes para situações emergenciais

Semagric mantém equipes para situações emergenciais

Conforme o inverno amazônico apresenta maior precipitação pluviométrica, causando danos às estradas vicinais, a Secretaria Municipal de Agricultura, P

Prefeita de Ariquemes visita produtor de silagem de milho e criador de gado leiteiro

Prefeita de Ariquemes visita produtor de silagem de milho e criador de gado leiteiro

Na oportunidade o Secretário de Agricultura Indústria e Comércio (SEMAIC), Antônio Marcos, acompanhou a prefeita Carla Redano, que visitaram a proprie