Porto Velho (RO) sábado, 19 de setembro de 2020
×
Gente de Opinião

Municípios

Eleita a nova diretoria da ONG Ecoporé


Eleita a nova diretoria da ONG Ecoporé - Gente de Opinião

A Organização Não Governamental Ação Ecológica Guaporé –Ecoporé- realizou na última semana em sua sede situada à Rua Rafael Vaz e Silva, 3335, no bairro Liberdade, Assembleia Geral para eleger a nova diretoria do biênio 2013/2014.

O biólogo Marcelo Lucian Ferronato é o novo presidente; a vice-presidente, a bióloga Suélen Brasil; o primeiro-secretário, o biólogo Paulo Henrique; o segundo-secretário a gestora ambiental Brenda Jane; a tesoureira, a biólogo Ariana Cella; 2ª tesoureira, a biólogo Fabíola Gomes. O Conselho Fiscal é formado por Dra Carolina Dória, o biólogo, Samuel dos Santos e o técnico florestal, Derlival Batista e como suplentes, o também técnico florestal, Marcos Antônio de Souza e a gestora ambiental, Elaine Cristina.

Ecoporé

A Ação Ecológica Guaporé - Ecoporé é uma associação ambientalista sem fins lucrativos, que neste ano completa 25 anos. Foi criada 25 de junho de 1988 com objetivo de legitimar suas ações desenvolvidas contra a exploração predatória de madeiras, combate ao desmatamento ilegal e ao processo de invasão das Unidades de Conservação, que na época se expandia no estado de Rondônia. Inicialmente, sua sede era no município de Rolim de Moura, interior do sendo transferida para Porto Velho em 2000. Atualmente, a ONG conta com 21 sócios em seu quadro.

De acordo com o presidente dentre os princípios que norteiam a prática da Ecoporé está a ética e o compromisso com a qualidade ambiental, sem esquecer das pessoas que dependem direta ou indiretamente do meio ambiente.

A ONG Ecoporé atua há mais de vinte anos em Rondônia e já executou diversos projetos voltados à conservação ambiental e à sustentabilidade em parceria com instituições governamentais, não governamentais e populações tradicionais. Executou projetos de alternativas econômicas e realizou assessoria técnica para os extrativistas (tecido da floresta, manejo florestal comunitário, ecoturismo, produtos da floresta como castanha, copaíba, madeiras caídas e apoio ao extrativismo da castanha). Já realizou levantamentos de espécies florestais nativas que melhor se desenvolvem em áreas de capoeira e fez monitoramentos de ictioplânctum e ictiofauna no rio Madeira. Implantou também ações na área de Educação Ambiental nas escolas e comunidades e campanhas de valorização de reservas legais e matas ciliares com abrangência em todo Estado de Rondônia proporcionando palestras para mais de 4 mil professores.

A Ecoporé tem um conjunto de ações na proposição de melhorias e aplicação da legislação ambiental, respeito às Unidades de Conservação, Terras Indígenas e áreas protegidas, com várias ações civis públicas e inúmeras denúncias encaminhadas. Já ocupou inúmeros assentos em conselhos de discussão de questões ambientais e desenvolvimento regional.

Fonte: ONG Ecoporé


 

Mais Sobre Municípios

Semusa promove ações de valorização da vida para profissionais de saúde

Semusa promove ações de valorização da vida para profissionais de saúde

Setembro é o mês de intensificação das ações de prevenção ao suicídio através da campanha Setembro Amarelo. Em um ano de pandemia, com o isolamento

Prefeitura de Rolim de Moura: Nota de pesar Doutor  Renê

Prefeitura de Rolim de Moura: Nota de pesar Doutor Renê

É com profunda tristeza que a prefeitura de Rolim de Moura (RO) comunica o falecimento do médico Renê Alfredo Delgadillo Salgueiro, vítima da COVID-

Doações do Imposto de Renda beneficia entidades sociais de Ji-Paraná

Doações do Imposto de Renda beneficia entidades sociais de Ji-Paraná

A Prefeitura de Ji-Paraná, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas) e o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolesce