Porto Velho (RO) segunda-feira, 28 de setembro de 2020
×
Gente de Opinião

Municípios

Correições destacam atuação de jovens juízes em Rondônia



A Corregedoria Geral de Justiça de Rondônia realizou correições nas comarcas de Alta Floresta e Santa Luzia do Oeste. As atividades fazem parte de um cronograma que vem sendo cumprido desde o mês de abril.

As duas comarcas são de primeira entrância e estão sob administração de jovens juízes, Bruno Sérgio de Menezes Darwich, em Alta Floresta, e Anita Magdelaine Perez Belém, em Santa Luzia do Oeste. Segundo o Corregedor Geral, desembargador Sansão Saldanha, assumir como único juiz da comarca resulta em amadurecimento. "O magistrado passa a ter contato com a comunidade, com conflitos e questões sociais. E na medida em que ele decide essas questões vai amadurecendo como profissional e aprimorando a justiça", afirma.

Para o juiz Bruno Darwich, que está há um ano em Alta Floresta, administrar a comarca é a oportunidade de transformar em prática toda a teoria, adquirida com os estudos, e as observações feitas durante o tempo que foi substituto. Ele conta que após análise criou algumas rotinas de trabalho e distribuiu atribuições de acordo com o perfil dos servidores. "Estou concentrando todas as sentenças, faço as decisões mais complexas, e para os despachos conto com a assessora", declara.

Já a juíza Anita Belém ainda está pegando o ritmo da comarca de Santa Luzia do Oeste, pois assumiu como titular há apenas três semanas. Entre suas metas está um projeto na casa de detenção do município. Serão trabalhos manuais efetuados pelos presos que serão beneficiados com remissão da pena. "E futuramente, se eu conseguir recursos para aumentar a estrutura física, meu projeto é de alfabetização, pois a maioria dos detentos é da zona rural e não teve oportunidade de freqüentar uma escola", conta.

O desembargador Sansão revela que nas visitas às comarcas, durante as correições, está revivendo um pouco dos 23 anos de magistratura. "Ao assumir uma comarca os obstáculos são muitos, temos que aplicar técnicas e conhecimento jurídico a casos concretos, administrar processos e assumir a responsabilidade de conduzir os servidores", relembra.

No Poder Judiciário de Rondônia, a experiência de entregar uma comarca para um juiz jovem, segundo o desembargador, tem se mostrado um procedimento ótimo para a formação de juízes de caráter firme e seguro em suas decisões.

Fonte: Ascom - TJ RO

Mais Sobre Municípios

Nota Pública - Paralisação do transporte urbano em Porto Velho

Nota Pública - Paralisação do transporte urbano em Porto Velho

A Prefeitura de Porto Velho, através da Secretaria Municipal de Trânsito, Mobilidade e Transportes (Semtran), informa que foi confirmada a paralisaç

Comunicado Semtran - Avenida Campos Sales terá seu sentido de circulação alterado

Comunicado Semtran - Avenida Campos Sales terá seu sentido de circulação alterado

A Prefeitura de Porto Velho, através da Secretaria Municipal de Trânsito, Mobilidade e Transportes – SEMTRAN, comunica à população que a avenida Cam