Porto Velho (RO) terça-feira, 23 de julho de 2019
×
Gente de Opinião

Municípios

Convênio permite que revalida de medicina possa ser realizado em Ji-Paraná


Convênio permite que revalida de medicina possa ser realizado em Ji-Paraná - Gente de Opinião

O Prefeito Municipal, Marcito Pinto (PDT), assinou hoje (6), um convênio entre a Secretaria Municipal de Saúde e Centro Universitário São Lucas para que médicos que se formem fora do Brasil possa realizar o processo de revalidação do diploma em Ji-Paraná. A revalidação de Diploma é um processo criado pelo governo brasileiro para autenticar os diplomas adquiridos em instituições estrangeiras.

Participaram do ato, além do Prefeito Municipal, a secretária municipal de saúde Guaraciaba Teixeira, secretário Municipal de Indústria e Comércio, Carlos Magno, a reitora do Centro Universitário São Lucas, Maria Eliza de Aguiar e Silva e a diretora de pós-graduação, pesquisa e extensão da instituição, Viviane Araújo.

O convênio prevê a disponibilização de toda a estrutura da Rede Municipal de Saúde para a execução das atividades práticas supervisionadas e obrigatórias que os formandos de medicina precisam realizar como complementação para revalidação de diploma de médico, obtido no exterior. O processo de complementação para revalidação será oferecido pelo Centro Universitário São Lucas, em parceria com a Universidade Federal do Mato Grosso (UFMT).

Para o prefeito Marcito Pinto, firmar esta parceria com a instituição de ensino recém chegada em Ji-Paraná, é importante para fomentar a economia e discussão acadêmica no município, além de contribuir com a melhora no atendimento oferecido a população.

“Este convênio permitirá uma melhora na saúde pública municipal. Iremos receber o apoio dos médicos que estão fazendo o curso complementar e aumentaremos a eficácia dos serviços de saúde. Tudo isso sem custo aos cofres públicos”, explicou o prefeito.

A reitora do Centro Universitário São Lucas, Maria Eliza de Aguiar e Silva, explicou que o convênio tem validade de um ano e meio e terá inicio já nos próximos dias.

“Este convênio é muito importante para todos os envolvidos. A parceria irá favorecer para que estes profissionais que buscam a revalidação do diploma fixem moradia na região e conheçam o Sistema Único de Saúde, o SUS e os protocolos de atendimento brasileiros. Todo esse processo só foi possível por conta da estrutura que a Prefeitura de Ji-Paraná oferece. Agrademos a sensibilidade de enxergar tudo isso como uma forma de desenvolvimento para o município”, ressaltou a reitora.

A secretária de saúde do município, Guaraciaba Teixeira, comemorou a parceria. “Ji-Paraná só tem a ganhar com este convênio firmado. Os profissionais terão a oportunidade de conhecer as políticas de saúde do nosso país praticando o que já sabem. Isso é relevante para o nosso atendimento nas unidades de saúde municipais”, ressaltou a secretária.

Mais Sobre Municípios

Jurista de renome nacional destaca avanço administrativo na gestão do prefeito Hildon Chaves

Jurista de renome nacional destaca avanço administrativo na gestão do prefeito Hildon Chaves

Jacoby Fernandes citou a implantação do Sistema de Registro de Preços Permanente, que proporciona mais celeridade nas aquisições que se repetem

Prefeito Hildon Chaves sanciona lei que garante o benefício no contracheque dos professores

Prefeito Hildon Chaves sanciona lei que garante o benefício no contracheque dos professores

O prefeito de Porto Velho, Hildon Chaves, sancionou nesta sexta-feira (19/7), a lei que assegura o pagamento do piso salarial (nacional) da educação a

Mulheres concluem curso de pintura em quadros pelo programa Brincando de Roda

Mulheres concluem curso de pintura em quadros pelo programa Brincando de Roda

Nesta semana 20 mulheres que moram no bairro Santo Antonio concluíram o curso de pintura em quadros e receberam certificados, na Comunidade Padre Ez

Palestra sobre a história do Budismo movimenta o CEBB-RO no final de julho

Palestra sobre a história do Budismo movimenta o CEBB-RO no final de julho

O Centro de Estudos Budistas e Bodsativa de Porto Velho, pela primeira vez está trazendo à capital para um ciclo de atividades o historiador Fernando