Porto Velho (RO) domingo, 20 de setembro de 2020
×
Gente de Opinião

Municípios

CAMPO NOVO: Marquinho anuncia mutirão cívico-ambiental



A Prefeitura de Campo Novo realizará nos dias 20,21 e 22 o evento denominado “Dia da Cidadania em Campo Novo”, na realidade será um mutirão sócio-ambiental,  que tem por finalidade precípua promover um ato cívico para lançar o “Programa de Governo de Campo Novo”  na gestão do prefeito Marcos Roberto de Medeiros Martins – o Marquinho.

O evento será um amplo debate interativo entre a administração municipal, parcerias, colaboradores, voluntários e munícipes, objetivando dotar Campo Novo de uma gestão inovadora, criativa, técnica-científica e democrática, focada na melhoria de qualidade de vida da população, tendo por base o  IDH (Índice de Desenvolvimento Humano), que avalia as condições de vida das pessoas em nível geral ou particular, com metodologia de trabalho realizado pelo o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (ou PNUD) que é  um órgão da Organização das Nações Unidas (ONU) que tem por mandato promover o desenvolvimento e eliminar a pobreza no mundo.  O IDH é avaliado com base nos indicadores sociais (taxas de natalidade, mortalidade, expectativa de vida, analfabetismo, condições médico-sanitárias etc.).

A programação pretendida para ser realizada nos dias 20, 21 e 22 de janeiro, terá o seguinte roteiro: dia 20, quinta-feia – realização do levantamento fotográfico, organização das equipes responsáveis pelas ações e passeio de reconhecimento para identificação de problemas e potencialidades – “um olhar sobre o lugar” e apresentação do seminário com 20 minutos para cada grupo apresentar sua defesa e 10 minutos para debates; dia 21, sexta-feira – realização de palestras, aos munícipes, ministradas pelos multiplicadores que apresentaram o seminário no dia anterior, sobre Educação Ambiental, com ênfase a doenças relacionadas a água contaminada, lixo e esgoto, coordenado pelo Grupo de Assessoramento e técnicos e SEDAM, durante todo o dias e em vários lugares; dia 22, sábado – realização do Evento Maior, “Dia da Cidadania” com atuação das equipes sob uma coordenação exercida pela Administração Municipal e Grupo Assessor. Neste Evento o Sr. Prefeito apresentara aos munícipes, seu Secretariado e dará uma demonstração do ritmo e direção do seu governo.

Esse trabalho será uma realização da Prefeitura em convênio com Centro de Gestão de Tecnologia e Gestão – CGTI, que tem como coordenadores  professores da Universidade Federal de Rondônia – UNIR.

O prefeito Marquinho disse que seu trabalho será pautado por iniciativas e implementação de projetos que visem a melhoria da qualidade de vida visando o acréscimo no Índice de Desenvolvimento Humano – IDH da população de Campo Novo, pois,  a visão dos técnicos do CGTI, que foi acatada pelo prefeito Marquinhos é que uma gestão que trabalha com esse objetivo, demonstra, aos olhos do mundo, a responsabilidade sócio-ambiental de seu gestor, facilitando acessibilidade a programas e projetos estaduais, nacionais e internacionais, públicos e privados, que podem aportar recursos para alavancagem do desenvolvimento local. “ É nesse sentido e com essa visão que vamos administrar Campo Novo” , afirmou Marquinhos.

Fonte: Ascom

Mais Sobre Municípios

Semusa promove ações de valorização da vida para profissionais de saúde

Semusa promove ações de valorização da vida para profissionais de saúde

Setembro é o mês de intensificação das ações de prevenção ao suicídio através da campanha Setembro Amarelo. Em um ano de pandemia, com o isolamento

Prefeitura de Rolim de Moura: Nota de pesar Doutor  Renê

Prefeitura de Rolim de Moura: Nota de pesar Doutor Renê

É com profunda tristeza que a prefeitura de Rolim de Moura (RO) comunica o falecimento do médico Renê Alfredo Delgadillo Salgueiro, vítima da COVID-

Doações do Imposto de Renda beneficia entidades sociais de Ji-Paraná

Doações do Imposto de Renda beneficia entidades sociais de Ji-Paraná

A Prefeitura de Ji-Paraná, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas) e o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolesce