Porto Velho (RO) segunda-feira, 18 de fevereiro de 2019
×
Gente de Opinião

Municípios

Câmara de Vereadores de Candeias contestam liminar contra cassação do prefeito


Câmara de Vereadores de Candeias contestam liminar contra cassação do prefeito - Gente de Opinião

A juíza Inês Moreira da Costa da 1ª Vara da Fazenda Pública, concedeu no final da tarde desta segunda feira (04/02) uma liminar pedindo a suspensão dos trabalhos da Comissão Processante (CP), instaurada pela Câmara Municipal de Candeias do Jamari para apurar denúncia contra o prefeito Luís Ikenohuchi.

A denúncia de infrações político-administrativas foi apresentada pelo motorista Fábio Pinheiro Gomes, que aponta diversas irregularidades que comprometem a atual administração pública do município.

“O Tribunal de Contas do Estado de Rondônia realizou auditoria sobre a prestação de contas apesentada pelo denunciado, referente ao ano de 2017, emitindo parecer que apuram irregularidades seríssimas, que importam tanto em infrações político-administrativas como crimes de responsabilidade fiscal”, explica o vereador e presidente da Casa de Leis, Lucivaldo Fabrício, enfatizando ainda que, além do que foi denunciado, muitas irregularidades devem ser apuradas, como é o caso do ´sumiço´ da camionete da saúde, merenda e transporte escolar, haja visto o início do ano letivo, entre muitos outros desmandos.

“O pior de tudo isso, é que, além de tentar ludibriar a Justiça, informando não existir a formação da denúncia, desqualificando o denunciador, o prefeito ainda usa as redes sociais, juntamente com seus portariados, maioria de Porto Velho, para zombar da cara do povo de Candeias, que está sofrendo com tais desmandos”, desabafa o vereador professor De Assis, frisando ainda que o chefe do executivo busca de todas as formas suspender os trâmites da cassação de seu mandato, visando tão somente seus interesses próprios, pois a cidade está em verdadeiro abandono.

“Na verdade, ainda não recebemos nenhum documento da justiça sobre essa liminar, ficamos sabendo pelas redes sociais, por onde o prefeito costuma se manifestar”, explica o vereador Lucivaldo, ressaltando que, a Procuradoria Jurídica do Legislativo analisará a liminar e tomará as medidas cabíveis junto ao Tribunal de Justiça do Estado de Rondônia.

Mais Sobre Municípios

FACULDADE DA PREFEITURA - Aprovados têm até quinta-feira, 21, para efetivar matrícula

FACULDADE DA PREFEITURA - Aprovados têm até quinta-feira, 21, para efetivar matrícula

O resultado final do processo seletivo foi publicado no último sábado, 16Os aprovados no processo seletivo do programa ‘Faculdade da Prefeitura’, de i

Semana Pedagógica encerra com posse de diretores em Cacoal

Semana Pedagógica encerra com posse de diretores em Cacoal

A Semana Pedagógica 2019, realizada pela Prefeitura de Cacoal, se encerrou na manhã desta sexta-feira (15) no auditório da Universidade Federal de Ron

TCE decide pela reprovação das contas municipais de Machadinho do Oeste

TCE decide pela reprovação das contas municipais de Machadinho do Oeste

O Tribunal de Contas do Estado (TCE-RO), durante a primeira sessão plenária deste ano, emitiu parecer prévio sobre as contas do município de Machadinh

Justiça autoriza novo contrato emergencial para o transporte rural terrestre

Justiça autoriza novo contrato emergencial para o transporte rural terrestre

Empresas se comprometeram a iniciar atividades até o dia 27 de fevereiroA juíza estadual Inês Moreira da Costa autorizou à Secretaria Municipal de Edu