Porto Velho (RO) sábado, 26 de setembro de 2020
×
Gente de Opinião

Municípios

Cacoal discute melhorias nas Unidades Básicas de Saúde



O Brasil tem, atualmente, segundo dados do Ministério da Saúde, mais de 42 mil estabelecimentos de atenção básica, como postos de saúde, centros de saúde e unidades móveis fluviais. Desse total de unidades, mais de 50% têm equipes de saúde da família (ESF), atuantes na promoção de saúde, prevenção, recuperação, reabilitação de doenças e na manutenção da saúde da comunidade.

Em Cacoal, com o aumento populacional, se discute como dinamizar e ampliar as equipes de trabalho das Unidades Básicas de Saúde (UBS), analisando a proporção entre o aumento considerável do crescimento demográfico e as UBS. Na semana passada, a vice-prefeita do município, Doutora Raquel Duarte Carvalho, esteve visitando, in loco, as Unidades de Saúde da Rede Básica para colocar no relatório e apresentar a equipe técnica da Secretaria Municipal de Saúde. Todas as informações, desde a falta de profissionais até a falta de estrutura física para comportar as unidades, foram repassadas durante a reunião.

“Todo investimento em saúde ainda será pouco. A prevenção deve ser trabalhada porque depois que a doença aparece, o recurso necessário para acabar com ela é maior e às vezes não há resultado” salientou a vice-prefeita, falando dos avanços que Cacoal obterá com o advento dos dois hospitais (Regional e São Daniel Comboni) em fase conclusiva.

Segundo a coordenadora das UBS/Cacoal, enfermeira Maria Conceição de Luna Alves Cunha, a falta de profissionais de saúde, digam-se médicos, enfermeiros, farmacêuticos, dentistas, assistentes sociais, técnicos de enfermagem, dentre outros, nas Unidades Básicas de Saúde, dificultam os trabalhos em andamento. Os aprovados em concurso público foram convocados para trabalhar e muitos não quiseram tomar posse.

“É necessária uma política de recursos humanos e estrutura física para melhorar as nossas unidades. Salientamos que, com todas as dificuldades, nossos profissionais de saúde são aguerridos, compromissados, destacando algumas ações que estão em funcionamento como o Projeto Cacoal Saudável, Encontro de Gestantes e Idosos, capacitação, escovação assistida, dentre outros” destacou.

Segundo a vice-prefeita, um estudo será feito para viabilizar melhorias nas Unidades Básicas. A administração, em sintonia com os profissionais de saúde, busca ampliar o acesso à saúde àqueles que necessitam de atendimento.

“A Estratégia Saúde da Família é o coração, a alma do sistema de saúde. É onde resolvemos 80% das demandas da população. É ali que temos prevenção e promoção da saúde, matando o problema pela raiz”, enfatizou.

Projetos

Na visão da coordenação das UBS/Cacoal, para aprimorar o atendimento na zona rural, é necessário elaborar um projeto e colocar em execução com uma equipe multiprofissional atendendo, semanalmente, em pontos estratégicos, a população da zona rural.

A coordenadora salienta que compõe o quadro das UBS de Cacoal, atualmente, apenas 07 equipes. Dessas, 04 estão desfalcadas sem profissionais para atendimento. Médicos pediram afastamento e outros demissão. Seriam necessárias 32 equipes para atender a demande de 78 mil habitantes. O Ministério da Saúde preconiza que para cada quatro mil habitantes deva existir uma equipe de saúde da família. Conceição cita o exemplo da Unidade do Bairro Vista Alegre que atende mais de 08 mil usuários devido a grande demanda populacional no perímetro dos bairros vizinhos. 

Fonte:  Paulo Henrique Silva (SRT/RO 983)

Mais Sobre Municípios

Nota Pública - Paralisação do transporte urbano em Porto Velho

Nota Pública - Paralisação do transporte urbano em Porto Velho

A Prefeitura de Porto Velho, através da Secretaria Municipal de Trânsito, Mobilidade e Transportes (Semtran), informa que foi confirmada a paralisaç

Comunicado Semtran - Avenida Campos Sales terá seu sentido de circulação alterado

Comunicado Semtran - Avenida Campos Sales terá seu sentido de circulação alterado

A Prefeitura de Porto Velho, através da Secretaria Municipal de Trânsito, Mobilidade e Transportes – SEMTRAN, comunica à população que a avenida Cam