Porto Velho (RO) terça-feira, 25 de janeiro de 2022
×
Gente de Opinião

Municípios

Antônio Lázaro é Cidadão Ji-paranaense


 
Em sessão realizada nesta terça-feira 30 de novembro, a Câmara Municipal concedeu Titulo de Cidadão Ji-paranaense ao senhor Antônio Lázaro de Moura. A homenagem póstuma é um reconhecimento aos relevantes serviços prestados ao município, especialmente quando esteve a frente da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Ji-Paraná, onde Lázaro dedicou vários anos de vida.

A homenagem póstuma foi recebida pela esposa de Lázaro, a senhora Madalena Penha Moura, atual presidente da APAE de Ji-Paraná, oportunidade em que a Câmara Municipal aprovou a criação do Acervo Municipal que receberá o nome de Antônio Lazaro de Moura.

Emocionada, Madalena disse em seu discurso que o homem só morre quando é esquecido e que Antônio Lázaro continua vivo nos corações de todos os colaboradores da APAE de Ji-Paraná, porque seu legado ainda faz parte da APAE.

O vereador Marcos Rogério, autor das homenagens, ressaltou que Antônio Lázaro foi um ser humano especial. Ele distribuiu coragem, fé para muitas pessoas nessa cidade. “Seus traços marcantes de personalidade cidadã ainda é muito presente entre nós”, concluiu.

Quando ao Acervo Municipal, Marcos ressaltou que a intenção é criar um local aberto ao público, onde as pessoas que visitem a Câmara possam ter acesso a todos os documentos, Leis, atas de reuniões históricas, fotografias, filmagens e históricos de vida de todos os pioneiros homenageados pelo Poder Legislativo. “Estamos criando um local que servirá de consulta sobre a história de Ji-Paraná. “Nada mais justo que este Poder, homenageie Antônio Lázaro que tem uma história belíssima com nossa cidade”, concluiu Marcos.

Biografia – Antônio Lázaro de Moura, natural de Ubirajara (SP), chegou em Rondônia na década de 80, mudando-se para Presidente Médici para ser promotor de justiça. No ano de 1986 foi transferido para Ji-Paraná para coordenar a promotoria de justiça do município.

Três anos mais tarde iniciava junto a sua esposa, Madalena Moura, um movimento social em prol da Associação dos Pais e Amigos dos Excepcionais. Tornou-se o primeiro presidente da APAE de Ji-Paraná. Desde então, dedicou-se durante anos a esta instituição, estruturando uma das melhores APAEs do Estado, melhorando a qualidade de vida de inúmeras pessoas com deficiência. Entretanto, sua missão junto ao movimento apeano não limitou-se a Ji-Paraná e assumiu a presidência da Federação Estadual da APAEs de Rondônia com um trabalho reconhecido nacionalmente.

No ano de 1999 foi eleito vereador e o cargo, sendo eleito presidente do Poder Legislativo no ano de 2000, permanecendo no cargo até 2004.

Fonte: Ascom

 


 

Mais Sobre Municípios

Bonificação começa a ser paga para servidores efetivos de Vilhena, mais de R$ 2,5 milhões serão depositados ainda hoje

Bonificação começa a ser paga para servidores efetivos de Vilhena, mais de R$ 2,5 milhões serão depositados ainda hoje

A Prefeitura de Vilhena iniciou na manhã desta sexta-feira, 21, o pagamento da bonificação extraordinária no valor do salário base de cada categoria

Nove unidades de saúde de Porto Velho vão ter atendimento exclusivo para covid-19

Nove unidades de saúde de Porto Velho vão ter atendimento exclusivo para covid-19

Buscando atender a alta demanda por testes e atendimentos para covid-19, o município vai destinar, a partir da próxima segunda-feira (24), nove unidad

Ariquemes inicia campanha de vacinação infantil contra Covid-19

Ariquemes inicia campanha de vacinação infantil contra Covid-19

A Prefeitura de Ariquemes, através da Secretaria Municipal de Saúde – Semsau, dará início nesta terça-feira, 18/01, a campanha de vacinação infantil