Porto Velho (RO) quinta-feira, 1 de outubro de 2020
×
Gente de Opinião

Municípios

Águas do Apertadinho não representam mais perigo


Mesmo sem muito risco de haver vítimas, o corpo de bombeiros de Vilhena e o Hospital Municipal continuarão em alerta durante toda a noite

A reportagem do vilhenaagora esteve visitando a usina do apertadinho no início da noite de hoje, acompanhando autoridades do município. Segundo uma equipe de funcionários da Cebel e o Corpo de Bombeiros de Vilhena, a situação está sob controle.

O rompimento da barragem ocorreu na vazante, as 13h45 de hoje. A usina tinha um reservatório que alagava uma área de cerca de 250 alqueires (cerca de 50 milhões de metros cúbicos de água). Com o rompimento, essa água se espalhou no vale do rio e já não representa perigo. Segundo a repórter da Rede TV de Vilhena, Raquel Gonçalves, pescadores que estavam às margens do rio, as 197h ( mais de cinco horas depois do rompimento) - 30 km depois da usina, em São Lourenço - não viram nenhuma mudança no volume de água do rio.

Segundo o Sargento do Corpo de Bombeiros de Vilhena, Eron Texon, que esteve no local, a situação está sob controle. Quanto aos funcionários que estavam isolados, estão sendo retirados pela BR 174, onde existe um acesso.

Estiveram no local o vice-prefeito de Vilhena, Jandir Ferreira, o Secretário de Obras, Cabo João, o Secretário de Terras, Pastor Campos e o Secretário de Coordenação Geral, Vítor Paniágua. Eles foram verificar in loco o acontecimento e oferecer apoio aos funcionários.

Com a notícia do rompimento da barragem, a prefeitura de Vilhena colocou em estado de alerta toda a equipe do pronto socorro do Hospital Público – médicos e enfermeiras - além de e ambulâncias.

A notícia - A barragem principal da Usina de Apertadinho que está sendo construída no Rio Melgaço, próximo ao Ávila, em Vilhena, rompeu na tarde desta quarta-feira. Segundo informações a quantidade de água e terra é muita, e uma das preocupações são as propriedades rurais, localizadas às margens do rio, onde é intensa a criação de gado.

Ainda não é possível saber as causas do rompimento. “Um trator de esteira desapareceu com a força da água. Ainda não sabemos se existem vítima fatais”, disseram trabalhadores.

O Corpo de Bombeiros foi chamado e informou que existem cerca de 70 pessoas ilhadas no local e o trabalho agora é para o resgate delas. “Não temos vítimas até o momento. A água está seguindo no sentido de Pimenta Bueno”, disseram.

A única certeza até o momento é que o empreendimento que estava sendo feito por um consórcio chamado de Consórcio Construtora Vilhena, parceria das empresas de engenharia Chain e It, está comprometido. A obra estava na fase final e era orçada em mais de R$ 200 milhões e forneceria energia para a cidade de Vilhena e região.

Fonte: Vilhenaagora

Mais Sobre Municípios

Semana do Trânsito: Comitê encerra atividades comemorativas

Semana do Trânsito: Comitê encerra atividades comemorativas

A Secretaria Municipal de Saúde (Semusa), coordenadora do Comitê Municipal de Segurança Viária, realizou na última sexta-feira (25) o encerramento d

Nota Pública - Paralisação do transporte urbano em Porto Velho

Nota Pública - Paralisação do transporte urbano em Porto Velho

A Prefeitura de Porto Velho, através da Secretaria Municipal de Trânsito, Mobilidade e Transportes (Semtran), informa que foi confirmada a paralisaç