Porto Velho (RO) domingo, 14 de agosto de 2022
×
Gente de Opinião

Mundo - Internacional

Vaticano ficou satisfeito com organização de missa final


Isabela Vieira
Agência Brasil

Rio de Janeiro – O Vaticano ficou satisfeito com a organização da transferência da Missa de Envio para a Praia de Copacabana, que envolveu, inclusive, o transporte de 800 mil hóstias, disse hoje (28) o porta-voz do Vaticano, padre Federico Lombardi. O evento final estava previsto para ocorrer em Guaratiba, na zona oeste, mas foi transferido para Copacabana por causa das chuvas fortes que deixaram o Campo da Fé (Campus Fidei) completamente alagado.

"Penso que tudo transcorreu muito bem. Estamos muito contentes de estar em Copacabana com sol e ver, finalmente, o que é Copacabana sem chuva e neblina. É uma atmosfera maravilhosa, no contexto geral desta celebração", declarou o porta-voz.

Em tom de brincadeira, Lombardi também revelou uma conversa do papa Francisco com o prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, que entregou ao pontífice, simbolicamente as chaves do Rio. "Na ocasião, Paes disse que Francisco poderia fazer o que quisesse, hoje, o papa respondeu: é o que estou fazendo", contou.

O prefeito anunciou hoje que pretende fazer um loteamento popular no Campo da Fé, em Guaratiba.
 

Mais Sobre Mundo - Internacional

Missão em Israel proporciona grande experiência de fortalecimento comercial com produtos de Rondônia

Missão em Israel proporciona grande experiência de fortalecimento comercial com produtos de Rondônia

Uma missão para um país como Israel, que se reinventou superando adversidades naturais e políticas, torna-se de grande relevância estratégica para est

Em Tel Aviv, potenciais de Rondônia são apresentados para empresários em Missão Internacional do Sebrae

Em Tel Aviv, potenciais de Rondônia são apresentados para empresários em Missão Internacional do Sebrae

A Missão Internacional Israel, promovida pelo Sebrae em Rondônia deve gerar grande frutos em breve. Empreendedores rondonienses compuseram a comitiv

Ômicron deve infectar mais da metade da Europa em 6 a 8 meses, segundo a OMS

Ômicron deve infectar mais da metade da Europa em 6 a 8 meses, segundo a OMS

Mais da metade da população europeia deve ser infectada pela variante Ômicron do coronavírus nas próximas seis a oito semanas, disse nesta terça-fei

MSF encontra 10 mortos em barco de madeira à deriva no Mediterrâneo

MSF encontra 10 mortos em barco de madeira à deriva no Mediterrâneo

Em 16 de novembro, durante uma difícil operação de busca e resgate a menos de 30 milhas náuticas da costa da Líbia no Mediterrâneo Central, a equipe