Porto Velho (RO) sexta-feira, 12 de agosto de 2022
×
Gente de Opinião

Mundo - Internacional

Hillary defende o fim da mutilação genital feminina


Renata Giraldi*
Agência Brasil

Brasília – A secretária de Estado norte-americana, Hillary Clinton, condenou de forma veemente a mutilação feminina conhecida como circuncição de mulheres, frequentes em países muçulmanos principalmente na África. “Não há nenhuma justificação cultural [para essa prática de mutilação], que é pura e simplesmente uma violação de direitos humanos”, disse ela.

Várias entidades internacionais defendem o fim da prática da circuncição feminina que ocorre em tribos de africanos que seguem o islamismo. Porém, entre os seguidores da mutilação a justificativa é que a prática faz parte da cultura e que as meninas – que são submetidas à circuncição ainda na infância, antes da puberdade – escolhem manter a chamada tradição.

As organizações não governamentais estimam que cerca de 500 mil mulheres tenham sido submetidas à mutilação. A estimativa é que aproximadamente 180 mil crianças e adolescentes corram o risco da circuncição feminina.

Hillary disse que sua manifestação ocorre no mês que marca o momento da tolerância zero à mutilação genital feminina – cuja sigla é MGF -, mas informou que “muitas diferenças culturais devem ser respeitadas”. No entanto, ela destacou que a mutilação genital feminina não está nesta relação de diferenças culturais.

Para a secretária norte-americana, os líderes religiosos desempenham um papel fundamental na erradicação da circuncição feminina.

“Muitas tradições culturais, que existiram em muitas partes do mundo já não são aceitáveis. Não podemos desculpar [a mutilação feminina] como um assunto privado porque tem implicações públicas significativas. Não tem quaisquer benefícios para a saúde. É pura e simplesmente uma violação de direitos humanos”, disse ela.

*Com informações da agência pública de notícias de Portugal, Lusa

Mais Sobre Mundo - Internacional

Missão em Israel proporciona grande experiência de fortalecimento comercial com produtos de Rondônia

Missão em Israel proporciona grande experiência de fortalecimento comercial com produtos de Rondônia

Uma missão para um país como Israel, que se reinventou superando adversidades naturais e políticas, torna-se de grande relevância estratégica para est

Em Tel Aviv, potenciais de Rondônia são apresentados para empresários em Missão Internacional do Sebrae

Em Tel Aviv, potenciais de Rondônia são apresentados para empresários em Missão Internacional do Sebrae

A Missão Internacional Israel, promovida pelo Sebrae em Rondônia deve gerar grande frutos em breve. Empreendedores rondonienses compuseram a comitiv

Ômicron deve infectar mais da metade da Europa em 6 a 8 meses, segundo a OMS

Ômicron deve infectar mais da metade da Europa em 6 a 8 meses, segundo a OMS

Mais da metade da população europeia deve ser infectada pela variante Ômicron do coronavírus nas próximas seis a oito semanas, disse nesta terça-fei

MSF encontra 10 mortos em barco de madeira à deriva no Mediterrâneo

MSF encontra 10 mortos em barco de madeira à deriva no Mediterrâneo

Em 16 de novembro, durante uma difícil operação de busca e resgate a menos de 30 milhas náuticas da costa da Líbia no Mediterrâneo Central, a equipe