Porto Velho (RO) domingo, 23 de setembro de 2018
×
Gente de Opinião

Meio Ambiente

Prefeitura anuncia produção de 300 mil mudas em 2018


O Parque Natural de Porto Velho deverá produzir, em 2018, cerca de 300 mil mudas de plantas frutíferas e nativas dentro do programa Cidade Verde, da prefeitura. O anúncio foi feito na última sexta-feira (2) pelo subsecretário de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Sema), Robson Damasceno, durante entrega de 40 mil mudas para recomposição de áreas degradadas, reservas legais, matas ciliares e fomento à agricultura familiar.

Essa expectativa tem como base resultados obtidos pelo Cidade Mais Verde, maior programa do gênero na Amazônia, proposta de governo do prefeito dr. Hildon Chaves, em cumprimento ao Código Florestal sobre recuperação de APP (Área de Preservação Permanente), recursos hídricos e solo.

O secretário Robson Damasceno disse que, com as doações, a prefeitura zera o deficit, não ficando remanescência. “Em parceria com o Governo do Estado, nós reformulamos e ampliamos a capacidade do Viveiro Municipal para 300 mil mudas, o que representa mais qualidade de vida à população, correção de solo, recuperação de APPs e consolidação do paisagismo da cidade”.

Crédito

Outra informação importante passada pelo titular da Sema, é o fato de que, aderindo ao programa Cidade mais Verde e recuperando áreas degradadas, os proprietários estarão aptos a receber recursos para investimento em suas propriedades. Damasceno lembrou ainda que, em 2017, o viveiro municipal produziu 147 mil mudas para uma meta de 250 mil árvores produzidas e plantadas nas áreas urbanas e rural da cidade, o que será superado neste ano.

Ainda de acordo com o secretário, que representou o prefeito dr. Hildon no ato, a distribuição de mudas contribui também para a consolidação de Porto Velho como uma das maiores produções agropecuárias do país. “A prefeitura estará fazendo história no município com a produção de 300 mil mudas em 2018”, disse.

Produtor

Entre os que receberam mudas estava Vera Lúcia Cruz Bernardes. Ela é proprietária de uma chácara na estrada do Areia Branca e preside a Associação Hortifrutigranjeira Terra Nossa. “Vim pegar mudas de macaxeira, pupunha, abacaxi, abacate, goiaba, açaí, graviola e biribá. Quero montar uma agroindústria para produzir e vender polpa de frutas. Por isso, posso dizer com segurança que esse projeto da prefeitura é muito importante para nós”.

Além do titular da Sema, também compareceram o vereador Da Silva do Sintrar, o subsecretário municipal de Indústria, Comércio, Turismo e Trabalho, Júlio César Siqueira, Paulo Régis, diretor do parque, além de produtores e convidados.

Fonte: Sema

Mais Sobre Meio Ambiente

SP corre risco de enfrentar crise hídrica mais grave que a de 2014

SP corre risco de enfrentar crise hídrica mais grave que a de 2014

O Sistema Cantareira, que abastece parte da capital paulista e da Região Metropolitana, estava com quase 60% da capacidade um ano antes da crise de 20

Novo marco legal do saneamento gera polêmica no setor

Novo marco legal do saneamento gera polêmica no setor

Agentes reguladores estão avaliando a medida provisória

Parque Ecológico Municipal recebe plantio de Ipê e Flamboyant

Parque Ecológico Municipal recebe plantio de Ipê e Flamboyant

Um grupo de 30 crianças da Fundação JiCred plantou mudas de ipê e flamboyant no Parque Ecológico Municipal. A ação foi realizada pelo Sistema Cooperat