Porto Velho (RO) sexta-feira, 27 de maio de 2022
×
Gente de Opinião

Meio Ambiente

Idaron pede atenção dos produtores quanto à lagarta da soja


A Agência de Defesa Agrosilvopastoril do Estado de Rondônia – IDARON, iniciou levantamento para detecção da lagarta da soja (Helicoverpa armigera) nos municípios rondonienses produtores de soja. A praga vem causando vários estragos no Brasil e com isso causando preocupação e insegurança aos produtores rurais e profissionais envolvidos no setor agrícola.

Para confirmar a possível presença de H. armigera, com base em denúncias por parte de produtores rurais, fiscais da Idaron realizam coleta de lagarta para envio a laboratório oficial. O laboratório por sua vez realiza um teste de DNA a fim de identificar a praga. Após esse levantamento, também será realizado nas propriedades rurais monitoramento com uso de armadilha do tipo “delta” que atraem o adulto através do feromônios.

Até o momento, em todas as propriedades levantadas verificou-se baixa ou nenhuma presença da lagarta. Nos municípios do cone-sul, região maior produtora de soja do Estado, foram realizadas coletas de 13 lagartas em 13 propriedades agrícolas de Vilhena, 5 lagartas em Cabixi, 1 lagarta em Corumbiara e 1 lagarta em Chupinguaia.

Segundo o Fiscais da Idaron “as informações do levantamento dão conta que nenhuma região do cone-sul apresenta situação alarmante ou superpopulação de lagarta e que são baixas as incidências de lagartas, inclusive de outras espécies”. Os fiscais recomendam que os produtores mantenham constante monitoramento da praga.

O Presidente da Agência afirma que “até o momento a situação fitossanitária das lavouras em Rondônia está sob controle, ou seja, não há necessidade de declarar estado de emergência fitossanitária”.

“O uso de inseticidas para o combate das pragas é uma preocupação, tanto pela Helicoverpa ssp., como por outras pragas que já são velhas conhecidas dos produtores” diz a Gerente Defesa Vegetal Rachel Barbosa. “O produtor precisa monitorar a sua lavoura e ter o acompanhamento de um técnico, para que haja um bom controle de pragas e para que não tenha aumento no custo de produção.”

Fonte: Rachel Barbosa / Idaron

Mais Sobre Meio Ambiente

2º Concurso de Desenho Infantil é lançado a alunos da rede municipal de Porto Velho

2º Concurso de Desenho Infantil é lançado a alunos da rede municipal de Porto Velho

As inscrições para o 2º Concurso de Desenho Infantil em comemoração à Semana do Meio Ambiente já estão abertas. A iniciativa é destinada a estudantes

Tecnologista da Fiocruz visita Estação Ecológica Serra dos Três Irmãos da Sedam

Tecnologista da Fiocruz visita Estação Ecológica Serra dos Três Irmãos da Sedam

Mayna Silva e Ana Macedo recepcionou nesta quarta-feira (18) André Aguirre, tecnologista da Fiocruz de Rondônia, que fez uma visita técnica à sede d

Museu do Acervo Biológico de Porto Velho é reaberto

Museu do Acervo Biológico de Porto Velho é reaberto

Uma cerimônia marcou, na manhã desta quarta-feira (18), a reabertura do Museu do Acervo Biológico de Porto Velho, no Parque Natural Raimundo Paraguass

MPF requer informações sobre presença de empresa canadense em Ariquemes (RO) para explorar terras raras

MPF requer informações sobre presença de empresa canadense em Ariquemes (RO) para explorar terras raras

O Ministério Público Federal (MPF) enviou, nesta quarta-feira (11), ofícios à Agência Nacional de Mineração (ANM), ao governo de Rondônia e à Secreta