Porto Velho (RO) domingo, 22 de setembro de 2019
×
Gente de Opinião

Lente Crítica

MER denuncia: Saúde pública municipal também é um caos



O Líder do MER - Movimento de Esquerda Revolucionária em Rondônia, Marcio Martins, esteve ontem a noite no pronto socorro Ana Adelaide, localizada na Zona Oeste da Capital, levando um parente para ser medicado, quando se deparou com um grande transtorno naquele local. Má Atendimento dos servidores, ausência de médicos para atender a população e falta de organização, era 19:30h da noite e estavam presentes ali 40 pacientes para ser atendido.MER denuncia: Saúde pública municipal também é um caos  - Gente de Opinião


Marcio presenciou Mau atendimento dos servidores, como por exemplo: Servidores ao telefone celular sem dar atenção aos pacientes na hora do preenchimento da ficha de atendimento, servidores passeando no corredor sem chamar as pessoas após triagem, médicos batendo papo na hora do serviço e com o guarda da segurança, falta de mais médicos para o atendimento da população, tanto que já era 0:00 de sexta e seu parente ainda não tinha sido atendido, quando chegou inicio da noite , ainda estavam atendendo o pessoal da tarde, caracterizando falta de organização, afirma Marcio.
 

Marcio fala e lembra que o prefeito de Porto Velho, Roberto Sobrinho, também tem sua parcela de responsabilidade na saúde pública da capital e que não só o estado é responsável pelo caos mas também a prefeitura. Marcio fala ainda que o prefeito tem `jogado tudo`para o hospital João Paulo II ficar um caos, caso este já divulgado na imprensa nacional, que inclusive meramente foi apenas um ataque a gestão estadual atual a anterior, opinião de Marcio.
 

A posição do MER é que a Prefeitura municipal melhore os atendimentos nos postos de saúde, pronto-socorros, que realmente atenda a população dignamente. finaliza

Fonte: Marcio Martins / MER RONDONIA
 

Mais Sobre Lente Crítica