Porto Velho (RO) quarta-feira, 19 de junho de 2019
×
Gente de Opinião

História

Ferroviários obtêm apoio decisivo do DNIT para vistoria técnica nos trechos da madeira Mamoré até Guajará-Mirim


Ferroviários obtêm apoio decisivo do DNIT para vistoria técnica nos trechos da madeira Mamoré até Guajará-Mirim - Gente de Opinião

Uma das missões atribuídas ao Vice-Presidente da Associação dos Ferroviários da Estrada de Ferro Madeira Mamoré (ASFEMAM), George Telles de Menezes (Carioca), foi realizada com sucesso na quarta-feira 15, em Brasília.

O dirigente, apesar das dificuldades para cumprir parte da agenda junto a Ministérios, Congresso e em audiências palacianas, obteve a garantia do Diretor de Infra-Estrutura de Ferrovias do DNIT (Departamento Nacional de Infra-Estrutura Terrestre), engenheiro Marcelo Pinheiro Chagas, “de que toda a malha férrea da nossa Ferrovia do Diabo será vistoriada”.

Marcelo Chagas esteve em 2018, em Porto Velho, quando reuniu com os ferroviários e engenheiros do DNIT-Rondônia e do Consórcio Santo Antônio Energia (CSA-E). Na ocasião o projeto de recuperação da Madeira Mamoré foi discutido, bem como a disponibilidade do uso de dinheiro previsto no cronograma de obras oriundas das compensações acordadas com o Governo Federal.

O dirigente, apesar das dificuldades para cumprir parte da agenda junto a Ministérios, Congresso e em audiências palacianas, obteve a garantia do Diretor de Infra-Estrutura de Ferrovias do DNIT (Departamento Nacional de Infra-Estrutura Terrestre), engenheiro Marcelo Pinheiro Chagas, “de que toda a malha férrea da nossa Ferrovia do Diabo será vistoriada”.

Marcelo Chagas esteve em 2018, em Porto Velho, quando reuniu com os ferroviários e engenheiros do DNIT-Rondônia e do Consórcio Santo Antônio Energia (CSA-E). Na ocasião o projeto de recuperação da Madeira Mamoré foi discutido, bem como a disponibilidade do uso de dinheiro previsto no cronograma de obras oriundas das compensações acordadas com o Governo Federal.

Para isso, ele manterá contato com representantes da Federação do Comércio (FECOMÉRCIO), Federação das Indústrias de Rondônia (FIERO), Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL), Associação Comercial (ACR), Câmara de Vereadores, Assembléia Legislativa do Estado (ALE-RO), Prefeitura de Porto Velho, 17ª Brigada Militar (Exército Brasileiro), Universidades e instituições já envolvidas no processo do tombamento, recuperação e revitalização do Complexo Ferroviário.

Mais Sobre História

Amazônia antiga: Urnas funerárias com cerca de 500 anos são transportadas para Santarém (PA), onde serão feitas análises dos ossos

Amazônia antiga: Urnas funerárias com cerca de 500 anos são transportadas para Santarém (PA), onde serão feitas análises dos ossos

Pesquisa é parceria entre o Instituto Mamirauá e a Universidade Federal do Oeste do Pará (UFOPA). As nove urnas foram descobertas no ano passado em um

Chega ao fim mistpewrio da autoria do pedido de tombamentos da Madeira Mamoré

Chega ao fim mistpewrio da autoria do pedido de tombamentos da Madeira Mamoré

Porto Velho, RONDÔNIA – O que é tombamento e quais as suas condições legais para esse tipo de feito acontecer à manutenção da história de um povo, c

Castiel: patronímia, família e tradição - Por David Castiel

Castiel: patronímia, família e tradição - Por David Castiel

De toda a herança moral que herdamos, a de maior força é com certeza o sobrenome que ostentamos e que passamos aos nossos filhos: No meu caso refiro-m