Porto Velho (RO) quarta-feira, 13 de novembro de 2019
×
Gente de Opinião

História

Banda do Vai Quem Quer – 30 anos


 

Por Silvio M. Santos (*) Gente de Opinião

Gente de OpiniãoA Banda do Vai Quem Quer está completando no dia de hoje (26), 30 anos de fundação. Tudo começou no ano de 1981 quando os foliões Manoel Costa Mendonça, Narciso de Oliveira Freire, Emil Gorayebe Filho, Ivamar Mesquita, Paulo Queiroz, Silvio Santos, Eliana, Lika, Antônio Edson e Claudio Carvalho entre outros, resolveram criar um bloco carnavalescos nos moldes da Banda de Ipanema do Rio de Janeiro. Após acalorada discussão, motivo pelo qual foram expulsos do bar do Casemiro que ficava na rua Joaquim Nabuco com a Almirante Barroso no bairro Santa Bárbara, a turma partiu para o Bar Chopão de propriedade do Hiran que ficava na rua Duque de Caxias com a José Bonifácio no bairro Caiari. Vale salientar que essa turma estava continuando uma farra que começou na sexta feira e que a expulsão do Bar do Casemiro aconteceu por volta das 11h da manhã de sábado. 

No Chopão já mais pra lá do que pra cá, quem menos opinou foi o Manelão, porém, como era o único de fato e de direito que tinha uma empresa considerada na cidade, o Chaveiro Gold, a turma o escolheu para comandar as ações que norteariam o rumo do bloco que na realidade ninguém sabia se iria “vingar”. 

Outro detalhe da data da fundação da Banda, é que, inclusive o Manelão, sempre se refere ao ano de 1980 como o de sua fundação, quando na verdade, foi em 1981, aliás a discussão sobre a criação ou não do bloco aconteceu mesmo, no sábado dia 24 de janeiro de 1981. Então porque o dia 26 de janeiro é considerado como o dia da criação da Banda do Vai Quem Quer? Gente de Opinião

Acontece que no sábado dia 24, nada ficou acertado ou decidido, em virtude do alto teor etílico da turma. 

Na segunda feira dia 26 de janeiro de 1981 foi que o pessoal realmente oficializou a fundação da Banda do Vai Quem Quer, isso porque foi no dia 26 de janeiro de 1964 que o Manelão desembarcou no aeroporto do Caiari vindo de Manaus para morar em Porto Velho. Pois justamente na segunda feira dia 26 de janeiro de 1981 a turma se reuniu a boca da noite no Chaveiro Gold que funcionava na galeria do Ferroviário, para “bebemorar” mais um ano do Manelão residindo em Porto Velho e então, alguém sugeriu que o dia fosse também consagrado como o dia da Fundação da Banda do Vai Quem Quer. 

Gente de Opinião


(*) O autor é o responsável pela coluna do Zekatraca 
 

Mais Sobre História

Iniciadas as gravações para o Museu da imagem e do Som do Cremero

Iniciadas as gravações para o Museu da imagem e do Som do Cremero

Começaram na manhã desta terça 27 as gravações para o Museu da Imagem e do Som do Conselho Regional de Medicina do Estado de Rondônia (Cremero), que

Por dentro da história: Diálogo é apontado como fator primordial na Assembleia Constituinte em 1983

Por dentro da história: Diálogo é apontado como fator primordial na Assembleia Constituinte em 1983

Os deputados constituintes de Rondônia eleitos em 1982 assumiram em 1983 diante de um clima tenso, e o diálogo foi fundamental nesse contexto. A par

Fecomércio/RO parabeniza Estrada de Ferro Madeira Mamoré pelos 107 anos

Fecomércio/RO parabeniza Estrada de Ferro Madeira Mamoré pelos 107 anos

A Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Rondônia (Fecomércio/RO) parabeniza os 107 anos de existência da Estrada de Ferro Mad

Palestra sobre história de Rondônia será ministrada na Reitoria do IFRO

Palestra sobre história de Rondônia será ministrada na Reitoria do IFRO

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia sediará na próxima sexta-feira (19) a palestra “RONDÔNIA: história e curiosidades”.