Porto Velho (RO) sexta-feira, 30 de outubro de 2020
×
Gente de Opinião

Esporte

Rondoniense conquista tríplice coroa no Paraguai com a Seleção Brasileira


Rondônia amanheceu nesta segunda-feira com um brilho de campeã e cheia de orgulho, pois não é pra menos. Na noite deste domingo (28/01) em Assuncíon no Paraguai, o Brasil sagrou-se campeão Sul Americano na categoria Sub-20 e lá estava um campeão rondoniense, Bruno Costa, Supervisor Geral da Seleção Brasileira na competição.

Bruno foi o principal articulador do projeto que teve inicio dia 11 de dezembro do ano passado e terminou com a conquista tríplice para o Brasil, com o titulo do Campeonato Sul Americano, a conquista para o Mundial da categoria a se realizar no Canadá ainda este ano e a vaga assegurada na Olimpíada de Pequim em 2008 (único titulo que falta a Seleção Brasileira).

Bruno já viajou com as seleções brasileiras, sub 15, sub 17, sub 19, sub 20 e Masters, a países da Europa, América do Sul, Ásia e América Central, ora exercendo a função de administrador e também como supervisor.

Essa é a trajetória desse filho de Porto Velho, que começou o curso de Administração Esportiva pela Florida International University em Miami, terminando na Universidade do Rio de Janeiro. Em 2002, Bruno foi convidado pelo Tetra - Campeão mundial, Branco, para realizar um estágio na CBF (Confederação Brasileira de Futebol), na seleção de Máster.

Ao assumir a coordenação das categorias de base da CBF, Branco, convidou Bruno para auxiliá-lo nessa nova empreitada, devido à fluência nas línguas inglesa e espanhola e pela dedicação, competência e responsabilidade que o jovem administrador esportivo demonstrava a cada viagem.

Com saída de Branco para o Fluminense, Bruno recebeu a incumbência e a responsabilidade de assumir a Supervisão Geral da Seleção Brasileira Sub-20, para a disputa deste Sul Americano, cuja meta seria a conquista da vaga para o mundial.

Posteriormente surgiu a vaga para a Olimpíada de Pequim que também passou a fazer parte do projeto da CBF e a responsabilidade do jovem administrador aumentou ainda mais, porém com inteligência e competência, Bruno cumpriu a missão.

Sempre levando consigo o nome do Estado, Bruno Costa de 26 anos, nunca negou as origens. - Sou nascido e criado em Rondônia e me orgulho de ser filho da terra e por potencial próprio estar levando o nome de meu Estado para todo o Mundo.

Durante o campeonato o estado de Rondônia esteve mais uma vez representado internacionalmente pelo jovem rondoniense Bruno Costa, que tem vários títulos conquistados com as categorias de base das seleções Brasileiras.

- Com muita luta acredito que venho conquistando meu espaço no meio do futebol, com humildade e respeitando os outros – enfatizou.

Bruno superou todas as dificuldades encontradas durante a caminhada da seleção, e sob com muito profissionalismo contornar todos os problemas que apareceram no caminho dessa consagradora conquista.

Rondonia está orgulhosa de seu filho, que tem levado com galhardia, o nome desta terra ao mais alto pódio internacionalmente.

- Tenho que agradecer ao Branco que sempre acreditou no meu potencial e me deu força desde o inicio e claro a toda a minha família, em especial ao meu pai Heitor Costa e minha mãe Mirlian Costa pela educação que me deram - finalizou o rondoniense campeão Sul Americano, que já é respeitado no futebol Brasileiro.

.

Mais Sobre Esporte

Semisb entrega obras dos campos sintéticos em Porto Velho e União Bandeirantes

Semisb entrega obras dos campos sintéticos em Porto Velho e União Bandeirantes

Nessa semana, a Prefeitura de Porto Velho, através da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer recebeu a conclusão das obras dos campos sintéticos do

Fogo na Premier League contra o VAR: «É ridículo. Isto não é futebol»

Fogo na Premier League contra o VAR: «É ridículo. Isto não é futebol»

O VAR conseguiu deixar em acordo duas partes muito diferentes: quem se prejudicou e quem se beneficiou. Aconteceu na partida que enfrentou Tottenham