Porto Velho (RO) terça-feira, 16 de outubro de 2018
×
Gente de Opinião

Esporte

PAULISTAS E CARIOCAS


Que me perdoem os mais apaixonados pelo consagrado e bem jogado futebol do Rio de Janeiro, mas o desequilíbrio entre as equipes grandes e as pequenas na bola Carioca é maior que o Maracanã e o Engenhão juntos. Sei que os torcedores em Rondônia puxam a sardinha pro assado do Rio, mas ta uma moleza e tanto disputar o Campeonato. O surgimento de mais vagas para incluir16 equipes no certame de 2008 deixou o regional com cara de jeitinho brasileiro e alguns jogos com jeito de coletivo apronto.

De qualquer modo temos que louvar os torcedores dos 4 grandes do Rio. Lotam os estádios mesmo contra Boa Vista, Duque de Caxias, Cardoso Moreira e outros, tão pequenos quanto. Que saudade do Bangu, América, São Cristóvão, Olaria, que mesmo não ocupando um lugar no Olimpo conseguiam encarar o Maraca e aprontavam zebras históricas. Se bem que a fragilidade do Vasco e as avenidas nas laterais do Fluminense podem ajudar os pequenos a sonhar com um lugar ao sol.

Já pelos lados do Paulista 2008 o buraco me parece ser mais embaixo, mais pro interior eu diria. Ponte e  Mirassol mostram força e reais possibilidades. Ituano e Guaratinguetá  montaram bons times e até o Moleque Travesso, do velho Vamp, conseguiu um feito relembrando seus momentos de glória. Se bem que o Juventus é da capital. Mas sempre correu por fora e ficou de fora muitos anos. Como também acontece com a Portuguesa, a melhor Lusa dos últimos tempos. Se cuida Ulbra!

Além dos grandes o futebol paulista tem pelo menos mais 4 ou 5 times que podem não só equilibrar mas deixar o campeonato muito mais emocionante. Como já vimos na rodada deste final de semana. Parece que outros regionais também terão algumas boas surpresas vindas do interior. Goiás, Rio Grande do Sul, Minas Gerais,  tem também seus pequenos-grandes-times. Já no Ceará, Pernambuco, Bahia, Paraná  tudo ainda gira em torno das capitais.

É impossível não falar do fenômeno da força do interior sem lembrar que em Rondônia, por exemplo, acontece exatamente o contrário. Aqui a surpresa seria, ou será, uma equipe da capital aprontar para cima dos grandes do interior. E só sobrou uma, o Gênus. Se não conseguir contar com apoio do poder público, abrindo alas para patrocínios privados, nosso batalhador Evaldo terá que amargar mais algumas lutas e problemas ao longo do Estadual 2008. Uma pena! Porto Velho recebe milhares de novos moradores  a cada ano, além de milhares de outras muitas possibilidades:  construção civil,  ensino superior, comunicação,  saúde, para citar alguns segmentos que dão um show de bola.

Mesmo com tudo isso e o algo mais que é a paixão que o morador da capital tem pela bola, a cidade ainda não tem sua força nos gramados. Caso o sonho de trazer o treinador Mirandinha, com sua base de Santa Catarina e os garotos de Rondônia não se concretize, o torcedor de Porto Velho pode se preparar para aplaudir as forças emergentes, Jarú, Ariquemes e Rolim, e os favoritos de sempre: Ulbra, Cacoalense e Vilhena. Não me esqueci do Pimentense não, é que este faz parte do interior que se parece com o do Rio de Janeiro. Se aprontar, vai ser surpresa pra todo mundo.

Bom campeonato para você torcedor que acompanha os regionais que já começaram, e bom campeonato para você torcedor-leitor-ouvinte, que espera o de Rondônia em 2008. Que já começa com um pecado: a ausência da disputa das equipes sub-20, ou sub-18 e   a falta de estrutura, que mantém o calendário curto e o torcedor ainda longe dos estádios.

TOCO E ME VOU

Pato da sorte

O atacante Pato já estava com os minutos contados...Gilardino se aquecia e se preparava para entrar, pois o Milan empatava mais uma em casa, desta vez contra o Gênoa, do bom goleiro Rubinho. De repente uma cabeçada, minutos depois uma arrancada e alguns lances de efeito. Pronto, 2 a 0, pato vira herói de novo e Gilardino volta bravo para o banco. O brasileiro brilha, quando sai o estádio aplaude. É categoria? Sim, mas se isso também não é sorte, o que é?

Lucas para a história

Ao marcar seu gol pelo Liverpool neste final de semana o brasileiro e ex-gemista Lucas entra para a história: é o primeiro brazuca a marcar um gol com a camisa dos Reds. Assim como Mirandinha, o primeiro brasileiro a jogar na Inglaterra, Lucas deixa seu nome no museu da bola britânica. Ninguém tira dele. E pensar que o craque está apenas começando sua carreira na terra da rainha...

Novo MST

Depois da fiel torcida sofrer com o pior Corinthians de todos os tempos em 2007, torcedores de várias partes do Brasil engrossam as fileiras do Movimento dos Sem-Time. Fanáticos do Remo e Paysandú são os mais novos integrantes. No Pará a coisa anda tão ruim que além de time os clubes correm ainda o risco de ficar sem os estádios. Aqui em Rondônia torcedores do União Cacoalense já começaram a pedir fichas de filiação ao novo MST.

Estádios

Em Rondônia os torcedores também poderiam começar o movimento dos sem-estádio. Por aqui, conforme temos mostrado na série sobre as praças esportivas, no Ta Na Rede da Rede TV!, a torcida ainda não tem muito o que comemorar quando o assunto é segurança, qualidade, conforto, espetáculo e aquelas coisinhas básicas que motivam o pai a levar esposa e filhos para um jogo de futebol.

Levantou Figueira

Pra encerrar o registro de louvor ao trabalho sério e bem feito. O Figueirense ganhou com justiça a Copa São Paulo e provou que fora do chamado eixo existe gente boa de bola e com excelente trabalho de base. E pensar que em seu último amistoso o Gênus empatou com este mesmo Figueira em Santa Catarina. Vai entender! 

domingues@sgcrondonia.com.br
 

Mais Sobre Esporte

Mega-Sena acumula e prêmio vai a R$ 27 milhões

Mega-Sena acumula e prêmio vai a R$ 27 milhões

Nenhum apostador acertou as seis dezenas do concurso 2.086 da Mega-Sena, realizado hoje (10) em Joaçaba (SC).As dezenas sorteadas foram  04 - 35 - 43

Federação Rondoniense de Xadrez recebe Certificação do CONEDEL

Federação Rondoniense de Xadrez recebe Certificação do CONEDEL

O Presidente Gualter Amélio recebe das mãos de Luiz Carlos o Certificado de Registro de Entidade Esportiva devidamente qualificada, no Conselho Estadu

Nenhuma aposta acerta a Mega-Sena e prêmio acumula em R$ 19 milhões

Nenhuma aposta acerta a Mega-Sena e prêmio acumula em R$ 19 milhões

Nenhuma aposta acertou o prêmio principal do concurso 2084 da Mega-Sena. O sorteio foi realizado na noite dessa quarta-feira (3), no Caminhão da Sorte