Porto Velho (RO) sábado, 23 de março de 2019
×
Gente de Opinião

Esporte

Grêmio goleia o Figueirense


Com um apetite insaciável, o Grêmio deu mostras que o revés para a Portuguesa foi apenas um acidente de percurso e goleou o Figueirense, por 4 a 0, na tarde deste domingo, no Olímpico, em duelo válido pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro. Os comandados de Vanderlei Luxemburgo finalizaram nada menos do que 27 vezes e Marcelo Moreno, com três assistências, foi o grande destaque ao lado de Leandro, autor de dois gols.

Com o triunfo, o Grêmio foi aos 34 pontos e se manteve na quarta posição. Já o Figueirense, derrotado pela 11ª vez no Brasileirão, segue com apenas 11 pontos e na última posição.

A vitória deste domingo foi apenas a sexta do Grêmio diante do Figueirense em jogos válidos pela Série A do Brasileirão. A equipe catarinense segue com oito triunfos e ainda aconteceram três empates no duelo.
 

PRÓXIMOS JOGOS

O Grêmio volta a atuar no Campeonato Brasileiro diante do rival Internacional no próximo domingo, dia 26, às 16h, no Olímpico. Já o Figueirense recebe o Coritiba, no mesmo dia e horário, no Orlando Scarpelli.

Antes, na quarta-feira, o Tricolor terá o Coritiba como rival, no Couto Pereira, às 19h30, no duelo de volta entre as duas equipes, válido pela Segunda Fase da Copa Sul-Americana - O Grêmio venceu o jogo de ida por 1 a 0. O Figueira, por sua vez, recebe o Atlético-GO, um dia depois, às 19h30, no Orlando Scarpelli - houve empate em 1 a 1 no primeiro duelo.
 

O JOGO

O Grêmio teve dificuldades em seus últimos jogos no Olímpico, já que Bahia, Sport e Portuguesa adotaram uma postura cautelosa quando enfrentaram o Tricolor como visitantes. Último colocado no Brasileirão, o Figueirense não poderia ficar apenas na expectativa por contra-ataques, se lançou ao ataque e com isso, o Grêmio teve espaço para impôr o seu ritmo de jogo.

Apesar de ter encurralado o rival nos primeiros minutos, o Grêmio teve dificuldade para transpor a marcação do Figueirense e levou perigo apenas em finalizações de fora da área. Já o Figueira teve ótima chance de gol aos nove minutos, quando arrancou em velocidade, deixou Werley na saudade e finalizou à direita de Grohe. Aloísio, que estava sem marcação na pequena área, foi à loucura por não ter recebido o passe.

O lance de perigo protagonizado por Caio tornou o Grêmio ainda mais perigoso. Marcelo Moreno, de bicicleta, acertou a trave direita de Wilson, aos 13 minutos. Logo depois, o mesmo Moreno cabeceou com perigo à esquerda da meta rival. A intensidade tricolor em campo só aumentou. Após Zé Roberto, em posição irregular, vencer o goleiro Wilson, o Grêmio teve outras três grandes chances de gol em apenas dois minutos: Elano, Marcelo Moreno e Leandro só não abriram o plcar por falta de capricho.
 

INSISTÊNCIA É PREMIADA

Insistente, o Grêmio não diminuiu o seu ritmo. Leandro teve um gol bem anulado aos 30 e cabeceou para fora um belo cruzamento de Zé Roberto minutos depois. A bola não queria entrar. Eis que, quando a tendência era por um empate sem gols no primeiro tempo, a sorte finalmente sorriu para o Tricolor e após bela triangulação entre Anderson Pico, Marcelo Moreno e Elano, o último finalizou com o gol aberto. Grêmio 1 a 0, aos 35 minutos. Gol da justiça.

O Grêmio não se deu por satisfeito e, aos 40, chegou ao merecido segundo gol. Em contra-ataque preciso, Marcelo Moreno atacou mais uma vez de garçom e serviu Leandro, que com tranquilidade, finalizou sem chances para Wilson. Grêmio, de 17 finalizações na primeira etapa - sendo seis certas - 2 a 0 Figueirense.
 

SEGUNDO TEMPO

Hélio dos Anjos mostrou coragem ao fazer algo raro de se ver: queimou todas as três substituições que tinha e o seu Figueirense voltou com Elsinho, Doriva e Marquinhos nas vagas de Léo, Guilherme Santos e Diogo, respectivamente. Certamente ele não gostou do que viu no primeiro tempo. No entanto, o técnico do Figueira não esperava que Marquinhos falhasse logo aos quatro minutos e que Marcelo Moreno - artilheiro do time no Brasileirão com seis gols e na temporada com 16 - novamente contribuísse com uma assistência para o segundo gol de Leandro. Grêmio 3 a 0.

O terceiro gol tricolor a vitória encaminhada do Grêmio fizeram o ritmo do jogo cair. A volúpia ofensiva dos comandados de Luxemburgo vista até então diminuiu. Trocando passes com tranquilidade, o Tricolor foi envolvendo o rival e, claramente, fazendo o relógio correr.

Ciente da importância do Gre-Nal do próximo domingo, Luxemburgo foi, aos poucos, preservando alguns jogadores. Elano, Leandro e Zé Roberto - pendurado com dois cartões amarelos - deixaram o jogo para as entradas de Marquinhos, Marco Antônio e André Lima, respectivamente.

O Grêmio, apesar de já satisfeito com o placar, queria mais e André Lima chamou a responsabilidade para si. Após cabecear com muito perigo ao gol de Wison aos 41 minutos, ele venceu o camisa 1 do Figueira ao aproveitar cruzamento de Marquinhos, aos 44 minutos. Grêmio 4 a 0 e fim de papo no Olímpico.

FICHA TÉCNICA
GRÊMIO 4 X 0 FIGUEIRENSE

Local: Olímpico, Porto Alegre (RS)
Data/hora: 19/8/2012 – 16h (de Brasília)
Árbitro: Wilson Luiz Seneme (Fifa-SP)
Auxiliares: Fabrício Vilarinho da Silva (Fifa-GO) e Thiago Gomes Brigido (GO)
Renda/Público: R$ 380.899,00/30.509 total/18.205 pagantes
Cartões amarelos: Leandro, Gilberto Silva e Fernando (GRE); Marquinhos e Elsinho (FIG)
Cartões vermelhos: Não houve.

Gols: Elano, 35'/1ºT(1-0); Leandro, 40'/1°T(2-0); Leandro, 4'/2ºT(3-0) e André Lima, 44'/2ºT(4-0)

GRÊMIO: Marcelo Grohe; Edilson, Werley, Gilberto Silva e Anderson Pico; Fernando, Souza, Elano (Marquinhos, 13'/2ºT) e Zé Roberto (André Lima, 29'/2ºT); Leandro (Marco Antônio, 22'/2ºT) e Marcelo Moreno – Técnico: Vanderlei Luxemburgo.

FIGUEIRENSE: Wilson, Léo (Elsinho, Intervalo), Guti, Fred e Guilherme Santos (Doriva, Intervalo); João Paulo, Claudinei, Diogo (Marquinhos, Intervalo) e Fernandes; Caio e Aloísio – Técnico: Hélio dos Anjos.

Fonte: LANCEPRESS

 

Mais Sobre Esporte

Morre ex-jogador Coutinho, célebre parceiro de Pelé no Santos  e campeão mundial

Morre ex-jogador Coutinho, célebre parceiro de Pelé no Santos e campeão mundial

Morreu hoje (11), aos 75 anos de idade, o ex-jogador de futebol Antônio Wilson Vieira Honório, mais conhecido como Coutinho, lendário parceiro de Pelé

Tetracampeão Juventude estreia com vitória na Taça Regional Cacoal Selva Park de Futebol

Tetracampeão Juventude estreia com vitória na Taça Regional Cacoal Selva Park de Futebol

O Juventude Esporte Clube da Linha 6, tetracampeão da Taça Regional Cacoal Selva Park de Futebol Amador (2010, 2013, 2015 e 2016) , começou bem sua pa

Pela terceira vez Brasil: Gabriel Medina é bicampeão mundial de surfe no Havaí

Pela terceira vez Brasil: Gabriel Medina é bicampeão mundial de surfe no Havaí

O paulista de Maresias, Gabriel Medina, conquistou o bicampeonato nesta segunda-feira ao vencer o sul-africano Jordy Smith e avançar à final em Pi

Ginasta da rede municipal concorre a prêmio esportivo em Porto Velho

Ginasta da rede municipal concorre a prêmio esportivo em Porto Velho

Estudante foi indicada ao prêmio pela Federação Rondoniense de GinásticaA Ginasta Wenddy Naelly Cruz Pimentel, de 11 anos, do Clube Escola Municipal