Porto Velho (RO) sábado, 20 de outubro de 2018
×
Gente de Opinião

Esporte

Fluminense pega o ameçado Galo


O Fluminense recebe o Atlético-MG neste sábado, às 18 horas (de Brasília), no Engenhão, pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro disposto a conquistar uma vitória para se manter na zona de classificação para a próxima Copa Libertadores. Atualmente, o Tricolor é o quinto colocado com 50 pontos, mas estaria na competição continental beneficiado pelo fato de o atual vice-líder, o Vasco, já estar garantido por ter vencido a Copa do Brasil.

A vitória para o Fluminense, porém, não será importante apenas por isso. Um bom resultado diante do ameaçado time mineiro manteria, também, o sonho do título no time das Laranjeiras, que está embalado por conta das duas vitórias anteriores, 3 a 1 sobre o Coritiba e 2 a 1 sobre o Palmeiras. Situação completamente diferente vive o Atlético, que perdeu por 2 a 0 para o Vasco na rodada passada e amarga a zona de rebaixamento, na 17ª colocação com 30 pontos.

Preocupados com a necessidade de vitória, os jogadores do Fluminense trataram de convocar os torcedores para apoiar o time no Engenhão. A diretoria fez várias promoções a fim de facilitar o acesso. "Sabemos que será um jogo complicado, nervoso pela necessidade de vitória das duas equipes. Portanto, precisamos deixar o sinal de alerta ligado para não termos surpresas. Em momentos decisivos como esse do Brasileiro, quando cada partida se torna uma decisão, o apoio da torcida é fundamental, pois temos que contar com todas as armas que aparecem a nossa disposição", afirmou o goleiro Diego Cavalieri.

A situação do Atlético não ilude os tricolores em relação a possíveis facilidades no duelo deste sábado. O fato de enfrentar um adversário na zona de rebaixamento não é comemorado. Principalmente depois do que aconteceu com o próprio Tricolor em 2009. Naquela ocasião, a equipe das Laranjeiras tinha a queda dada como certa pelos matemáticos, mas conseguiu uma grande arrancada e conseguiu a sua permanência na elite nacional, dando início ao apelido de "time de guerreiros". Evitar que a reação do Galo comece agora é a meta do Fluminense, ainda mais porque o técnico do time mineiro, Cuca, era o comandante do Tricolor em 2009.

"O Cuca é um detalhista, sabe armar bem seus times e conhece como poucos esse elenco do Fluminense. Justamente por isso que preciso tomar muito cuidado com o que pode ser vazado em termos de informações. Será um jogo muito complicado, pois temos desfalques importantes e vamos pegar uma equipe que precisa muito da vitória. Mas temos que passar por cima disso tudo e somar três pontos", disse o técnico do Tricolor, Abel Braga.

Para o duelo, o meia Marquinho e o atacante Fred receberam o terceiro cartão amarelo na vitória sobre o Palmeiras e terão que cumprir suspensão. No meio-campo, o argentino Lanzini será o escolhido, auxiliando o brasileiro naturalizado português Deco na criação de jogadas. Edinho, que retorna de suspensão, completa o setor com Fernando Bob, que ganha mais uma oportunidade começar entre os titulares depois de ter tido bom desempenho contra os palmeirenses.

No ataque, sem homens de referência, a tendência é que Rafael Sobis e Martinuccio sejam escalados. Os zagueiros Digão e Gum seguem entregues ao departamento médico e a zaga será formada por Leandro Euzébio e Márcio Rosário. Recuperado de uma fratura na costela, o volante Diguinho pode ser relacionado para começar a partida entre os reservas.

No Atlético-MG, o técnico Cuca terá reforços importantes para tentar repetir o feito do primeiro turno, quando o Galo venceu o Fluminense por 1 a 0, no Ipatingão. O zagueiro Réver, o volante Pierre e o meia Bernard, que cumpriram suspensão diante do Vasco voltam ao time titular. O comandante alvinegro ainda poderá contar com Daniel Carvalho e Triguinho, que estão recuperados de contusão.

Em contrapartida, Cuca perde o volante Serginho, que foi expulso na rodada passada, em partida contra o Vasco. Os atacantes Magno Alves e Guilherme, que vinham formando a dupla ofensiva do Galo estão lesionados e ficam de fora do duelo diante do time das Laranjeiras. Com isso, André ganha nova chance de mostrar serviço no ataque alvinegro.

Contra os cariocas, o Galo vai tentar quebrar um tabu de jamais ter vencido uma partida no Engenhão, fato que não assusta o zagueiro Réver, que vai voltar ao time do Atlético-MG, após ter cumprido suspensão diante do Vasco. Segundo o defensor, o momento não é de pensar no tabu, e sim no Fluminense, jogo considerado fundamental por Réver.

"Acho que temos que parar de ficar pensando nisso. Uma hora a vitória vai vir naturalmente. A gente faz uma expectativa muito grande do Engenhão, mas tem que enfrentar o adversário, não o Engenhão. Se o gramado lá estiver ruim, como estava, vai ser para as duas equipes, então acho que independente de jogar no Engenhão, temos que atuar com o objetivo de vencer. Se vamos quebrar um tabu ou não, é outra história", declarou.

Fonte: GE.Net / Gazeta Press e Wanderson Lima

 

Mais Sobre Esporte

Mega-Sena acumula e prêmio vai a R$ 27 milhões

Mega-Sena acumula e prêmio vai a R$ 27 milhões

Nenhum apostador acertou as seis dezenas do concurso 2.086 da Mega-Sena, realizado hoje (10) em Joaçaba (SC).As dezenas sorteadas foram  04 - 35 - 43

Federação Rondoniense de Xadrez recebe Certificação do CONEDEL

Federação Rondoniense de Xadrez recebe Certificação do CONEDEL

O Presidente Gualter Amélio recebe das mãos de Luiz Carlos o Certificado de Registro de Entidade Esportiva devidamente qualificada, no Conselho Estadu

Nenhuma aposta acerta a Mega-Sena e prêmio acumula em R$ 19 milhões

Nenhuma aposta acerta a Mega-Sena e prêmio acumula em R$ 19 milhões

Nenhuma aposta acertou o prêmio principal do concurso 2084 da Mega-Sena. O sorteio foi realizado na noite dessa quarta-feira (3), no Caminhão da Sorte