Porto Velho (RO) terça-feira, 16 de outubro de 2018
×
Gente de Opinião

Esporte

Defesa segura Fluminense e garante 100% do Timão


 

Se o Fenômeno Ronaldo não está em campo, a defesa do Corinthians resolve. Na vitória deste domingo por 1 a 0 sobre o Fluminense, no Pacaembu, o zagueiro Chicão marcou nos minutos iniciais o gol do triunfo em uma linda cobrança de falta. Depois, sobrou aos membros da competente retaguarda do Alvinegro segurar o sufoco dos cariocas.

Apesar do futebol pobre em casa, o resultado leva o Corinthians de volta à liderança do Campeonato Brasileiro. O time comandado pelo técnico Mano Menezes é o único com nove pontos na classificação.

O Fluminense, por sua vez, ainda amarga uma campanha irregular. Em nove pontos disputados, o Tricolor do Rio de Janeiro ganhou apenas três. O técnico Muricy Ramalho espera reforços para melhorar o poder de fogo da equipe.

A próxima rodada do Campeonato Brasileiro será no meio da semana. Os dois times atuam na quarta-feira. O Corinthians visita o Grêmio Prudente, enquanto o Fluminense faz o clássico contra o Flamengo.

O Jogo - A presença de jogadores habilidosos dos dois lados proporcionou uma partida agradável e bastante movimentada. O Corinthians mostrou perícia nas bolas paradas para criar as oportunidades iniciais. Aos cinco minutos, Roberto Carlos surpreendeu e mandou uma bomba da lateral esquerda da área. A bola fez uma curva estranha e passou perto.

Pouco depois, Dentinho cobrou escanteio da direita e viu a cabeçada perigosa de Jucilei. Na terceira chance, o Corinthians não perdoou. Chicão bateu a falta da entrada da área por fora da barreira e contou com a falha do goleiro Rafael para abrir o marcador.

Em desvantagem, o Fluminense subiu suas linhas e passou a marcar pressão. A tática deu certo. Os cariocas melhoraram e começaram a criar chances. Aos 17 minutos, Fred recebeu na meia esquerda, invadiu a área e chutou cruzado. Em seguida, foi a vez de Rodriguinho bater firme dentro da área. Nas duas oportunidades, Felipe salvou com competência.

Pouco antes do intervalo, os cariocas tiveram a principal oportunidade. Carlinhos ganhou disputa com Dentinho e caprichou no cruzamento da esquerda para a cabeçada de Fred. Livre, o centroavante conseguiu mandar para fora. "Relaxamos no fim do primeiro tempo", definiu o corintiano Dentinho, preocupado na saída para o intervalo.

O alerta parece não ter surtido muito resultado. No começo da etapa final, o Fluminense continuou mais perigoso. Aos quatro minutos, Diguinho cruzou da direita para Fred completar de carrinho. Felipe ficou estático e observou a bola passar próxima ao poste direito de sua meta.

Preocupado com a falta de qualidade do meio-campo corintiano, Mano Menezes colocou Tcheco no lugar de Jucilei. Enquanto isso, o Fluminense continuava atacando. Aos 21 minutos, Fred invadiu a área e foi derrubado por Felipe. O árbitro Leonardo Gaciba apontou o pênalti e, na sequência, marcou impedimento do atacante carioca com a ajuda do auxiliar.

No fim, Muricy Ramalho deixou o Fluminense mais ofensivo com as presenças de Alan e André Lima no ataque ao lado de Fred e Rodriguinho. Mas a tarde era da defesa corintiana, que demonstrou grande energia para segurar o importante triunfo no Pacaembu.

Fonte: Gazeta Esportiva


 

Mais Sobre Esporte

Mega-Sena acumula e prêmio vai a R$ 27 milhões

Mega-Sena acumula e prêmio vai a R$ 27 milhões

Nenhum apostador acertou as seis dezenas do concurso 2.086 da Mega-Sena, realizado hoje (10) em Joaçaba (SC).As dezenas sorteadas foram  04 - 35 - 43

Federação Rondoniense de Xadrez recebe Certificação do CONEDEL

Federação Rondoniense de Xadrez recebe Certificação do CONEDEL

O Presidente Gualter Amélio recebe das mãos de Luiz Carlos o Certificado de Registro de Entidade Esportiva devidamente qualificada, no Conselho Estadu

Nenhuma aposta acerta a Mega-Sena e prêmio acumula em R$ 19 milhões

Nenhuma aposta acerta a Mega-Sena e prêmio acumula em R$ 19 milhões

Nenhuma aposta acertou o prêmio principal do concurso 2084 da Mega-Sena. O sorteio foi realizado na noite dessa quarta-feira (3), no Caminhão da Sorte