Porto Velho (RO) quarta-feira, 17 de outubro de 2018
×
Gente de Opinião

Esporte

Decisão da vaga entre Brasil e Chile vai para a prorrogação


Os primeiros 90 minutos da partida entre Brasil x Chile, válida pelas oitavas de final da Copa do Mundo, terminaram em igualdade. Embora tenha aberto o marcador com David Luiz e criado pelo menos cinco chances claras de gol, a Seleção Brasileira cometeu um vacilo numa saída de bola pela lateral esquerda e permitiu a igualdade chilena, num chute cruzado de Alexis Sánchez, aos 31 minutos. Com isso, o público no Mineirão, em Belo Horizonte, e em todo o país fica com a tensão em alta. O vencedor do confronto entre Brasil x Chile encara, nas quartas de final, quem se sair melhor no duelo entre Colômbia x Uruguai, que jogam a partir das 17h, no Maracanã.

O jogo começou com o Brasil dominando o meio de campo e buscando chegar ao ataque com lançamentos dos zagueiros para Hulk, Oscar e Neymar. Aos 12 minutos, um lance polêmico. Hulk tabelou com Neymar e invadiu a área com a bola dominada, mas sob marcação do zagueiro Isla. O brasileiro caiu na área e o árbitro Howard Webb mandou o jogo seguir. Aos dezoito minutos, o Brasil chegou ao primeiro gol. Neymar cruzou, Thiago Silva desviou na primeira trave e a bola sobrou para a dividida entre David Luiz e o zagueiro Jara, e acabou entrando. A FIFA anotou o gol para o defensor brasileiro.

O jogo parecia controlado pela seleção brasileira, mas num arremesso de lateral de Marcelo devolvido sem força por Hulk, o chileno vargas foi mais rápido, tocou para dentro da área e pegou a zaga brasileira desprevenida. Alexis Sánchez dominou e chutou rapidamente, antes da chegada de Thiago Silva. A batida na diagonal entrou no canto direito do goleiro Júlio César e igualou o marcador, aos 31 minutos.

Com a igualdade, o Brasil se lançou à frente com mais ênfase. Neymar, numa cabeçada aos 35 minutos, acertou o gol, mas a bola desviou em Silva e foi para escanteio. Daniel Alves, num chute forte da entrada da área, obrigou o bom goleiro Bravo a espalmar para escanteio aos 42 minutos. Aos 43 minutos, a bola sobrou para Fred após uma dividida entre Neymar e a zaga, mas o atacante pegou desajeitado, com a perna esqueda, e chutou para fora. No fim do primeiro tempo, uma saída de bola errada permitiu ao Chile chegar à cara do gol brasileiro mais uma vez, mas Júlio César e a zaga conseguiram conter o ataque.

Na segunda etapa, os chilenos controlaram a posse de bola e dominaram o meio de campo. O Brasil ficou acuado, Júlio Cesar fez uma belíssima defesa após triangulação pela direita do ataque. O goleiro Bravo também teve boa atuação numa conclusão de Hulk e Jô quase chegou numa bola após cruzamento de Hulk. Neymar, muito marcado, pouco conseguiu criar.

Fonte: Portal da Copa

 

Mais Sobre Esporte

Mega-Sena acumula e prêmio vai a R$ 27 milhões

Mega-Sena acumula e prêmio vai a R$ 27 milhões

Nenhum apostador acertou as seis dezenas do concurso 2.086 da Mega-Sena, realizado hoje (10) em Joaçaba (SC).As dezenas sorteadas foram  04 - 35 - 43

Federação Rondoniense de Xadrez recebe Certificação do CONEDEL

Federação Rondoniense de Xadrez recebe Certificação do CONEDEL

O Presidente Gualter Amélio recebe das mãos de Luiz Carlos o Certificado de Registro de Entidade Esportiva devidamente qualificada, no Conselho Estadu

Nenhuma aposta acerta a Mega-Sena e prêmio acumula em R$ 19 milhões

Nenhuma aposta acerta a Mega-Sena e prêmio acumula em R$ 19 milhões

Nenhuma aposta acertou o prêmio principal do concurso 2084 da Mega-Sena. O sorteio foi realizado na noite dessa quarta-feira (3), no Caminhão da Sorte