Porto Velho (RO) quinta-feira, 18 de outubro de 2018
×
Gente de Opinião

Esporte

Cruzeiro mantém hegemonia e vence o clássico contra o Galo



A supremacia cruzeirense continua. No emocionante e disputado duelo deste sábado, a Raposa, que entrou com força máxima, superou mais uma vez o Atlético-MG e venceu o difícil confronto por 3 a 1, no Mineirão, pela sexta rodada do Campeonato Mineiro.

Com a vitória, o Cruzeiro soma nove triunfos contra o rival nos últimos 12 jogos. Gil, Leonardo Silva e Roger marcaram para os cruzeirenses, enquanto o zagueiro Jairo Campos descontou para o Galo. Com mais esse triunfo, a Raposa soma agora 12 pontos e ocupa a vice-liderança do Estadual. O Atlético, que ainda não tinha perdido na competição, permanece em sexto lugar, com seis pontos ganhos.

Os torcedores só ficaram sabendo as escalações de Atlético-MG e Cruzeiro poucos minutos antes do jogo. O técnico alvinegro, Wanderley Luxemburgo, preferiu mudar o esquema e entrou com o time na tradicional formação 4-4-2, com o jovem meio-campista Renan Oliveira entrando no lugar do atacante Obina. Pelo lado cruzeirense, o técnico Adilson Batista não surpreendeu e entrou com todos os titulares.

O jogo: O duelo começou quente, aberto, com muitas oportunidades. E quem iniciou melhor foi o Cruzeiro. Logo no primeiro minuto, o lateral Jonathan cruzou e o meia Gilberto cabeceou por cima do gol de Carini. Depois, aos três, Kléber, livre de marcação, chutou com perigo, mas a bola se perdeu pela linha de fundo.

Após os primeiros cinco minutos, o Galo melhorou e equilibrou o jogo. Aos 11, um lance espetacular, o melhor do jogo até então. O atacante Diego Tardelli foi lançado e tocou por cima do goleiro Fábio. Com a bola praticamente em cima da linha, o zagueiro Leonardo Silva tirou.

As melhores oportunidades do Atlético saíam dos pés do atacante Muriqui, sempre em jogadas rápidas pela direita. E o Cruzeiro, com um meio-campo entrosado e com o lateral Jonathan apoiando bastante o ataque, fazia a bola girar com rapidez.

Depois de uma boa jogada pelo meio-campo, a Raposa conseguiu um escanteio. O camisa 10 Gilberto cobrou, o zagueiro Gil cabeceou, a bola desviou no atleticano Leandro e enganou o goleiro Carini. Bola na rede e o primeiro gol do clássico, aos 22 minutos do primeiro tempo.

O Atlético não se intimidou e foi atrás do empate. E conseguiu. Aos 31 minutos, Coelho cobrou a falta, Jairo Campos chutou, o goleiro Fábio salvou, e, na sobra, o zagueiro fez o gol de empate para os alvinegros.

O jogo era aberto, mas com muita marcação. Os atacantes Diego Tardelli, do Galo, e Kléber, da Raposa, estavam muito bem marcados. As defesas se comportavam muito bem, com Leonardo Silva e Gil do lado cruzeirense, e Werley e Jairo Campos pelo alvinegro.

A última chance do primeiro tempo foi do Atlético. O lateral esquerdo percebeu o goleiro Fábio adiantado e tocou por cobertura. Mas o guarda-redes azul se recuperou e tirou a bola com a ponta dos dedos.

Galo volta melhor, mas Cruzeiro faz dois: O técnico do Cruzeiro, Adilson Batista, fez uma substituição na volta do intervalo, com o meia Pedro Ken entrando no lugar do lateral esquerdo Diego Renan. Com isso, o volante Elicarlos foi deslocado para a esquerda para reforçar a marcação no setor, já que as grandes oportunidades do Atlético no primeiro tempo foram por ali, com o atacante velocista Muriqui.

Logo aos dois minutos, um lance polêmico. O assistente Jairo Albano Félix marcou impedimento de Diego Tardelli, após lançamento de Muriqui. Mas a posição do atacante alvinegro, que mandou a bola para as redes, era legal.

O Atlético voltou melhor para o segundo tempo, criando muitas oportunidades. Tanto que, aos 14 minutos, após cruzamento da direita, o atacante Muriqui furou feio e perdeu um gol inacreditável. Depois disso, o Cruzeiro melhorou a marcação, mas o Galo continuava superior.

Aos 26 minutos, os dois treinadores mexeram. Pelo lado alvinegro, o técnico Wanderley Luxemburgo colocou o atacante Obina no lugar do meia Renan Oliveira, voltando ao esquema dos últimos jogos, com três atacantes. Já o treinador celeste promoveu a estreia do meia Roger, que entrou no lugar de Gilberto.

Sete minutos depois, a Raposa chegou com perigo ao gol do rival. Roger lançou Thiago Ribeiro na área, que emendou de primeira. A bola saiu com perigo à esquerda do gol de Carini.

O Cruzeiro voltou à frente no placar aos 37 minutos, quando o meia Roger cobrou escanteio e o zagueiro Leonardo Silva cabeceou forte para o gol. Cruzeiro 2 a 1.

O técnico Luxemburgo foi para cima do rival em busca do empate. Tirou o volante Jonílson e colocou no jogo mais um atacante: o experiente Marques.

Mas não adiantou. Aos 43, o meia Roger fez um belo gol, chutando de fora da área, para coroar ainda mais a sua estreia com a camisa do Cruzeiro.

O próximo compromisso do Cruzeiro já acontece na próxima quarta-feira, quando recebe o Colo Colo, no Mineirão, às 19h30, pela Copa Libertadores. No mesmo dia, mas em horário diferente, às 21h50, o Atlético encara o Juventus-AC, no Acre, pela primeira fase da Copa do Brasil.

Pelo Campeonato Mineiro, a Raposa visita o Ituiutaba, no estádio da Fazendinha, às 17h, no próximo sábado. No dia seguinte e no mesmo horário, fechando a sétima rodada do Estadual, o Galo enfrenta o Uberlândia, no Triângulo Mineiro.

Tupi vence o lanterna e cola no líder

O Galo Carijó conquistou uma importante vitória neste sábado, contra o Ituiutaba, no estádio Mário Heleno, em Juiz de Fora. Em um jogo tranquilo, o Tupi venceu o lanterna do Campeonato Mineiro por 3 a 0.

A animada equipe de Juiz de Fora permanece na terceira posição do Estadual, atrás apenas do Democrata-GV e do Cruzeiro. Já o Ituiutaba passa por uma situação delicada. Ainda sem vencer na competição, o Boa é o último colocado com apenas um ponto. Na próxima rodada, o Tupi visita o Democrata, em Governador Valadares, enquanto o Ituiutaba joga em casa contra o Cruzeiro. 

Fonte: Gazeta Esportiva

Mais Sobre Esporte

Mega-Sena acumula e prêmio vai a R$ 27 milhões

Mega-Sena acumula e prêmio vai a R$ 27 milhões

Nenhum apostador acertou as seis dezenas do concurso 2.086 da Mega-Sena, realizado hoje (10) em Joaçaba (SC).As dezenas sorteadas foram  04 - 35 - 43

Federação Rondoniense de Xadrez recebe Certificação do CONEDEL

Federação Rondoniense de Xadrez recebe Certificação do CONEDEL

O Presidente Gualter Amélio recebe das mãos de Luiz Carlos o Certificado de Registro de Entidade Esportiva devidamente qualificada, no Conselho Estadu

Nenhuma aposta acerta a Mega-Sena e prêmio acumula em R$ 19 milhões

Nenhuma aposta acerta a Mega-Sena e prêmio acumula em R$ 19 milhões

Nenhuma aposta acertou o prêmio principal do concurso 2084 da Mega-Sena. O sorteio foi realizado na noite dessa quarta-feira (3), no Caminhão da Sorte