Porto Velho (RO) terça-feira, 19 de março de 2019
×
Gente de Opinião

Esporte

Costa do Marfim vira e vence o Japão na Arena Pernambuco


 
Foto: Getty Images
 
 

Gente de Opinião

Gervinho e Drogba comemoram o segundo gol da Costa Rica

A Arena Pernambuco reservou um novo revés para o Japão. Se na Copa das Confederações a equipe asiática protagonizou uma das melhores partidas do torneio mas saiu derrotada de virada pela Itália, por 4 x 3, na Copa do Mundo os japoneses caíram diante da Costa do Marfim.

Em dois cruzamentos da direita do ataque feitos por Aurier num intervalo de dois minutos, aos 19 e aos 21 minutos do segundo tempo, os africanos viraram o duelo em gols de cabeça de Bony e Gervinho. Até então, a partida vinha sendo liderada pelo Japão, que abriu o placar aos 16 minutos da primeira etapa, numa bela finalização de perna esquerda na entrada da área. 

Com o resultado, a Costa do Marfim se iguala em pontos com a Colômbia na liderança do Grupo C, com três pontos. Os sul-americanos levam vantagem no saldo de gols, já que venceram a Grécia por 3 x 0. Na próxima rodada, a Costa do Marfim enfrenta a Colômbia no dia 19 de junho, no Estádio Nacional de Brasília. Japão e Grécia duelam no mesmo dia, na Arena das Dunas, em Natal. 

Domínio nipônico, só na arquibancada

Gritos de “Nippon”, um alto e incessante batuque africano, tudo isso misturado aos grito de torcidas locais. A primeira partida da Copa do Mundo FIFA Brasil 2014 em Recife foi marcada pela diversidade cultural e pela alegria das torcidas. Um caldeirão cultural de 40.267 mil pessoas típico das terras brasileiras.

Gente de Opinião

Maioria entre os torcedores, os japoneses chegaram paramentados. Adereços para cabeça, traje de samurai, pinturas no rosto, tudo para deixar o estádio com a cara do Samurai Azul. O empresário Hayashida Setsuo veio à cidade só para assistir à partida e vai deixá-la logo após o evento. “Depois do Recife eu vou passar no Rio para conhecer a cidade em um dia e logo volto para o Japão”, disse ele, que se divertia com o amigo fantasiado de cisne branco. “Temos um festival onde todos vão fantasiados. Como o Brasil é o país do Carnaval, fizemos a brincadeira.”

O costa-marfinense Anselme N’Gbocho destacou o acesso ao estádio como ponto positivo. “Estou gostando da experiência, apesar da chuva. Recife é uma cidade legal e o acesso foi tranqüilo. Ver futebol aqui é gracioso”, comentou.

Apesar de poucos, os africanos não estavam sozinhos. Torcedores de outros países africanos e até brasileiros vestiram laranja para vir à Arena Pernambuco. O professor Deon Júnior passou nove horas em um ônibus de Fortaleza para o Recife só para assistir ao futebol de Drogba e companhia. “Desde 2006, quando jogaram Costa do Marfim e Argentina, eu me surpreendi muito com o futebol deles e hoje estou realizando um sonho. Em Fortaleza tem mais”, afirmou.

Foto: Getty Images

Gente de Opinião

Fonte: Portal da Copa

Mais Sobre Esporte

Morre ex-jogador Coutinho, célebre parceiro de Pelé no Santos  e campeão mundial

Morre ex-jogador Coutinho, célebre parceiro de Pelé no Santos e campeão mundial

Morreu hoje (11), aos 75 anos de idade, o ex-jogador de futebol Antônio Wilson Vieira Honório, mais conhecido como Coutinho, lendário parceiro de Pelé

Tetracampeão Juventude estreia com vitória na Taça Regional Cacoal Selva Park de Futebol

Tetracampeão Juventude estreia com vitória na Taça Regional Cacoal Selva Park de Futebol

O Juventude Esporte Clube da Linha 6, tetracampeão da Taça Regional Cacoal Selva Park de Futebol Amador (2010, 2013, 2015 e 2016) , começou bem sua pa

Pela terceira vez Brasil: Gabriel Medina é bicampeão mundial de surfe no Havaí

Pela terceira vez Brasil: Gabriel Medina é bicampeão mundial de surfe no Havaí

O paulista de Maresias, Gabriel Medina, conquistou o bicampeonato nesta segunda-feira ao vencer o sul-africano Jordy Smith e avançar à final em Pi

Ginasta da rede municipal concorre a prêmio esportivo em Porto Velho

Ginasta da rede municipal concorre a prêmio esportivo em Porto Velho

Estudante foi indicada ao prêmio pela Federação Rondoniense de GinásticaA Ginasta Wenddy Naelly Cruz Pimentel, de 11 anos, do Clube Escola Municipal