Porto Velho (RO) segunda-feira, 29 de novembro de 2021
×
Gente de Opinião

Educação

Rondônia terá doutores em biodiversidade e biotecnologia


Foi iniciado em Rondônia o curso de doutorado em biodiversidade e biotecnologia, um dos principais programas da Rede de Biodiversidade e Biotecnologia da Amazônia Legal (Bionorte), que tem a Secretaria de Estado do Planejamento e Coordenação Geral (Seplan) como um de seus financiadores. A aula inaugural foi realizada na manhã da última quarta-feira (14), no campus da Universidade Federal de Rondônia (Unir).

Sete alunos de Rondônia estão entre os 102 selecionados para o curso de pós-graduação que funcionará de forma integrada com 26 instituições dos Estados da Amazônia Legal. Mais de 130 doutores compõem o quadro de docentes. Em Rondônia, 11 doutores fazem parte da equipe e representam as quatro instituições integrantes do programa: Unir, Fundação Osvaldo Cruz (FioCruz), Empresa Brasileira de Agropecuária (Embrapa) e a Instituto de Pesquisa em Patologias Tropicais (Ipepatro).

Durante a aula inaugural, a reitora em exercício da Unir, Maria Cristina, caracterizou o momento como impar para a universidade. “É com enorme satisfação que iniciamos oficialmente um curso especifico em biologia. Para nós é muito importante o sucesso deste programa, pois toda universidade federal precisa ter seus próprios cursos de doutorado. Parabéns a equipe que trabalhou na realização deste projeto”, afirmou.

O doutorando Rodrigo Simões disse que recebeu a notícia de sua seleção com muita alegria por ter a oportunidade de integrar um programa que é de suma importância para o desenvolvimento sustentável do Estado.

Segundo o coordenador estadual do programa, Leonardo Calderon, a concretização do doutorado levou mais de um ano de trabalho árduo. “A partir de hoje iniciamos uma nova fase, onde reforçamos a ideia de que é preciso agregar valor à biodiversidade e utilizar a biotecnologia para o desenvolvimento sustentável da região.” disse Calderon.

A programação da aula inaugural contou ainda com a presença do diretor da FioCruz, Rodrigo Stabeli, que ministrou palestra sobre “O Desenvolvimento Sustentável da Amazônia Legal: A Rede Bionorte como Ferramenta Útil”.

Ainda estiveram presentes no evento, o pró-reitor de pós-graduação e pesquisa na Unir, Valdir Vegini; a pesquisadora da Embrapa, Luciana Gato e o gerente de Ciência, Tecnologia& Inovação, da Seplan, Francisco Maciel.

Programa de pós-graduação

O Programa foi desenvolvido para atuação em diversos campos da Biodiversidade e Biotecnologia e visa aprofundar a formação científica, técnica e cultural do pós-graduando, permitindo uma contribuição original e criativa na área de pesquisa científica e o desenvolvimento de recursos humanos de alto nível.

Fonte: Decom
 

Mais Sobre Educação

Campus Porto Velho Calama abre seleção para Pós-Graduação Lato-Sensu em ensino de Ciências e Matemática

Campus Porto Velho Calama abre seleção para Pós-Graduação Lato-Sensu em ensino de Ciências e Matemática

Por meio do Departamento de Pesquisa, Inovação e Pós-Graduação (Depesp), o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia-IFRO, Cam

IFRO publica edital para abertura do Concurso Público para preenchimento de 41 vagas na instituição

IFRO publica edital para abertura do Concurso Público para preenchimento de 41 vagas na instituição

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia (IFRO) divulgou nesta quarta-feira, 24/11/2021, na Seção 3 do Diário Oficial da Un

Hildon Chaves anuncia bonificação de fim de ano aos professores durante Congresso Municipal de Educação

Hildon Chaves anuncia bonificação de fim de ano aos professores durante Congresso Municipal de Educação

O V Congresso Municipal de Educação iniciou, nesta quarta-feira (24), em Porto Velho. O evento reúne mais de 5 mil professores e diretores escolares p

Pais e responsáveis sem acesso à internet podem participar da chamada escolar de forma presencial em Porto Velho

Pais e responsáveis sem acesso à internet podem participar da chamada escolar de forma presencial em Porto Velho

Pais e responsáveis sem acesso à internet, ou com dificuldades de manuseio de aparelho eletrônico, podem buscar, até a próxima sexta-feira (26), um do